Parlamento Europeu e Ministros Nacionais das Pescas: Invistam nos nossos oceanos!

0 have signed. Let’s get to 150,000!


EnglishEspañol FrançaisHrvatskiNederlandsDeutsch

Os nossos oceanos estão a ser atacados há décadas. Seja pela poluição, pelo lixo, pela sobrepesca ou pela destruição do fundo do mar, os seres humanos só agora estão a começar a compreender quão grave é o estado dos nossos oceanos.

O estado dos nossos oceanos em números:

  • Cerca de 250 000 aves marinhas foram mortas em Portugal, Espanha e França devido a um único derrame de petróleo ao largo da Galiza. [1] [2]
  • Cerca de 13 000 embarcações com cargas perigosas passam ao largo da Galiza todos os anos. Em espanha, ocorreram 135 acidentes envolvendo derrames de petróleo entre 1991 e 2016. [3]
  • Cerca de 275 000 toneladas de plástico vão parar aos mares da União Europeia todos os anos[4]
  • 85% dos recursos pesqueiros do Mediterrâneo estão sobre-explorados [5]
  • Cerca de 200 000 aves marinhas morrem anualmente em materiais de pesca por toda a Europa [6]
  • Cerca de 44 000 tartarugas marinhas morrem afogadas anualmente no Mediterrâneo, por terem ficado presas em equipamentos de pesca [7]

Membros do Parlamento Europeu e Ministérios das Pescas dos estados membros estão atualmente a debater como gastar 6 mil milhões de euros dos contribuintes da União Europeia no Fundo Europeu  dos Assuntos Marítimos e das  Pescas (FEAMP). Estas negociações irão decidir que atividades apoiar no mar entre 2021 e 2027.

Temos de investir pelo menos 1.5mil milhões de euros (25% do EMFF) na proteção e recuperação dos nossos oceanos.

Há inúmeras medidas que podemos tomar para ajudar a virar a maré de destruição dos nossos oceanos, incluindo:

  • Prevenir derrames de petróleo: desenvolver planos de emergência que incluam a natureza, e preparar as autoridades portuárias para responder a crises ambientais
  • Combater o crime contra o ambiente: equipar e treinar a guarda-costeira para combater crimes contra o ambiente no mar, incluindo pesca ilegal e deposição ilegal de lixo e poluentes
  • Acabar com a morte acidental de animais: investigar e testar soluções inovadoras para solucionar problemas como a captura acidental de aves, mamíferos e tartarugas marinhas nas artes de pesca.
  • Preservar a natureza no mar: estabelecer áreas marinhas protegidas e fornecer às comunidades locais as ferramentas de que precisam para preservar o seu ambiente marinho
  • Lidar com os plásticos: criar instalações gratuitas para reciclagem e depósito de lixo nos portos, para permitir às embarcações separar de forma responsável o lixo que acumulam
  • Estudar a vida marinha: monitorizar os movimentos de aves marinhas, baleias, golfinhos e tartarugas para os proteger melhor

Juntos, podemos tornar estas medidas realidade. Assine esta petição agora para dizer aos nossos políticos europeus que quer investir na natureza no mar.

----------------------------------------------------------------

Esta petição é redigida em conjunto com SPEA, SEO Birdlife e LPO

-----------------------------------------------------------------

Fontes:

[1] Resultados dos censos costeiros (SEO/BirdLife 2003. https://www.seo.org/wp-content/uploads/2012/10/Informe_Prestige_SEO_BirdLife.pdf - see page 27).

[2] Experiência para calcular o número de alcídeos afetados na Galiza (Munilla et al. 2011. https://esajournals.onlinelibrary.wiley.com/doi/epdf/10.1890/ES11-00020.1

[3] https://www.farodevigo.es/galicia/2017/07/03/trafico-barcos-mercancias-peligrosas-frente/1709739.html

[4] http://ec.europa.eu/environment/marine/good-environmental-status/descriptor-10/pdf/MSFD%20Measures%20to%20Combat%20Marine%20Litter.pdf

[5] http://publications.jrc.ec.europa.eu/repository/bitstream/JRC111924/2018-cfpinfographics_1.pdf

[6]  ICES. 2009. Report of the Working Group on Seabird Ecology (WGSE), 23-27 March 2009, Bruges, Belgium. ICES CM 2009/LRC:10.91 pp.

[7] Casale (2011) Casale P. Sea turtle by-catch in the Mediterranean. Fish and Fisheries. 2011;12(3):299–316. doi: 10.1111/j.1467-2979.2010.00394.x


Want to share this petition?