National Museum of Brazil - Solidarity after a tragedy

National Museum of Brazil - Solidarity after a tragedy

0 have signed. Let’s get to 7,500!
At 7,500 signatures, this petition is more likely to get a reaction from the decision maker!
Marcos Lopes started this petition to Poder Público

The Fulbright Alumni join the Brazilian scientific community, museum workers and all the population in solidarity for the horrendous tragedy of September 2, 2018.

In that day, the oldest and largest Brazilian museum was gutted by a catastrophic fire, which burned all collections to the ground. Museu Nacional was founded by Dom João VI, the king of Portugal, in 1818 and celebrates 200 years of existence in 2018.

With more than 20 million objects ranging from insects to huge pre-historic fossils, thousands of documents, photographs and ethnographical artifacts, Museu Nacional also preserved the most ancient human fossil ever discovered in the Americas. Luzia, 12.000 years old, is a landmark in the history of our continent.

Museu Nacional is a key institution in the making of Brazilian science. Administered by the Federal University of Rio de Janeiro, it also holds one of the most prestigious graduate programs in Anthropology, where local and foreign scholars conduct research and advance the knowledge over our cultures and societies.

We believe that museums are key factors for the expansion of cultural rights, as well as for the construction of a more democratic, tolerant and diverse society. As Fulbright scholars, committed to mutual understanding among the nations, we publicly share our support to Museu Nacional and its workers, advocating for the full recovery not only of this remarkable institution but also of the whole museum sector in Brazil.

 -----

(Translation / Portuguese)

Os ex-bolsistas Fulbright se solidarizam com a comunidade científica, com os trabalhadores e trabalhadoras de museus e com toda a população brasileira pela tragédia de 2 de setembro de 2018.

Naquele dia, o maior e mais antigo museu brasileiro foi atingido por um incêndio catastrófico, que destruiu a coleções lá preservadas. O Museu Nacional foi fundado por Dom João VI, rei de Portugal, em 1818 e comemora seus 200 anos em 2018.

Com mais de 20 milhões de peças, de insetos a fósseis pre-históricos, milhares de documentos, fotografias e objetos etnográficos, o museu também preservava o mais antigo fóssil humano já encontrado nas Américas. Luzia, com seus 12.000 anos de idade, é um marco para a história do nosso continente.

Museu Nacional é uma instituição central para a produção de conhecimento no Brasil. Vinculado à Universidade Federal do Rio de Janeiro, abriga um dos mais prestigiados programas de pós-graduação em Antropologia, onde pesquisadores locais e estrangeiros fazem pesquisas e contribuem para o avanço do conhecimento sobre nossas culturas e sociedades.

Acreditamos que os museus são fundamentais para a expansão dos direitos culturais, bem como para a construção de uma sociedade mais democrática, tolerante e diversa. Como ex-bolsistas Fulbright, comprometidos com o entendimento mútuo entre as nações, compartilhamos publicamente nosso apoio ao Museu Nacional, aos seus trabalhadores e trabalhadoras, advogando pela plena recuperação não somente desta notável instituição, mas de todo o setor museológico brasileiro.

0 have signed. Let’s get to 7,500!
At 7,500 signatures, this petition is more likely to get a reaction from the decision maker!