Abaixo-assinado encerrado

CPI das Barcas Já!

Este abaixo-assinado conseguiu 81 apoiadores!



Uma Funcionária da CCR Barcas informou ao Jornal de Bairro do Globo (Globo Ilha) publicado no dia 13/11/16 que a empresa tem interesse em devolver a concessão e que está em negociação com o governo para mais alterações no sistema aquaviário afirmando que " não está bom para a companhia, não está bom para a sociedade e também não está bom para o governo".

Ocorre que já está claro e cristalino que o interesse da CCR Barcas e do Governo corre na contramão dos interesses da sociedade, que está totalmente descrente em ambos. A população discorda da CCR Barcas e da Secretaria de que o serviço dá prejuízos pois se existe prejuízo estes só decorrem dá má administração.

Não aceitamos a alegação de baixa demanda para o serviço das barcas que é tão importante para nós. A população entende que a baixa demanda alegada pela empresa e pela Secretaria de Transportes ocorre pelo descrédito no serviço que decaiu sensivelmente após a privatização, no serviço mal prestado, nos atrasos e mudanças de horários, nas embarcações grandes e velhas, nos vários acidentes vivenciados por muitos consumidores, no aumento no trajeto após a mudança da estação das barcas - que aumentou a jornada em 20 minutos e consequentemente o gasto de combustível, na falta de integração com as linhas de ônibus, etc. A população insulana sempre precisou das barcas, mas precisa de um serviço confiável o que não vem sendo prestado há décadas!

A população também entende que não deve haver monopólio garantido apenas para uma empresa, a concorrência é saudável e sempre favorável ao consumidor pois provoca a melhora do serviço e a baixa nos preços. Além disso o serviço de barcas não pode, em momento algum estar à mercê dos interesses de empresários do transporte terrestre, em razão do claro conflito de interesse existente. Sabemos muito bem que as empresas de ônibus são concorrentes e não apenas alimentadoras dos trens e das barcas.

Sabemos que a CCR Barcas, além de acordar para o fim da concessão, espera ser indenizada pelo Estado e nós, cidadãos, não aceitamos isso pois entendemos que o serviço da CCR Barcas e das Barcas S.A. nunca foi prestado à contento!

Por este motivo - antes da resolução do contrato de concessão com a CCR e também para que uma próxima concessão não siga esse modelo viciado e duvidoso aos olhos da população - os cidadãos abaixo assinados, que ultimamente estão altamente descrentes e insatisfeitos com a atuação desta casa, gostariam de lembrar aos Senhores Deputados que foram eleitos como seus representantes e, portanto, solicitar a V. Exas. que instaurem a CPI das Barcas na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) por razões óbvias!



Hoje: Consuelo está contando com você!

Consuelo Machado precisa do seu apoio na petição «Presidente da Alerj: CPI das Barcas Já!». Junte-se agora a Consuelo e mais 80 apoiadores.