Não a réplica da Estatua da Liberdade em Canela

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 10.000!


A Estátua da Liberdade (em maiúsculas mesmo) é um grande monumento localizado nos USA. Símbolo de Nova Iorque, foi declarada pela Unesco como Patrimônio da Humanidade em 1984. Simboliza a liberdade, a democracia e a esperança do povo estadunidense.

Representa a deusa romana da liberdade. Sustenta uma tocha erguida na mão direita, e na esquerda segura a Declaração da Independência dos Estados Unidos de julho de 1776.

Projetada pelo escultor francês Fréderic Auguste Bartholdi, foi construída em cobre, aço e concreto pelo engenheiro Gustave Eiffel o mesmo que projetou e construiu a Torre Eiffel em Paris. Foi oferecida aos Estados Unidos pelos franceses, em 1886, em comemoração ao centenário da independência do pais.

Já a estatua da liberdade (com minúsculas), símbolo de uma loja de departamentos brasileira, não passa de um pastiche e do complexo de inferioridade de boa parte dos brasileiros que desprezam os nossos símbolos e enaltecem tudo o que é exótico.

Conforme noticia corrente, a cidade de Canela irá receber uma filial daquele empreendimento, intenção já confirmada. Trata-se uma mega loja de departamentos, que, por sua localização na entrada da cidade, irá gerar um grande impacto urbanístico, além de um impacto econômico ao competir com o comércio local. Por outro lado, pelo simbolismo, será uma afronta ao contexto histórico e paisagístico de Canela, através da edificação de uma réplica da famosa estátua novaiorquina. Objeto estranho à história da cidade de Canela, prestará um desserviço à cultura e à educação dos canelenses, ou seja, uma violência simbólica.

Caso este fato venha a se concretizar, recorreremos aos preceitos estabelecidos no Plano Diretor do Município, onde o Artigo Segundo que trata da qualidade de vida e meio ambiente, pontua:

Art. 2º Da Qualidade de Vida e Meio Ambiente:

II - Reforçar a imagem do Município como uma área de grande riqueza ambiental e paisagem característica;

III- Preservar, recuperar e proteger o meio ambiente e a paisagem;

Art. 3º Do Turismo e Cultura:

IV - Estabelecer parâmetros para criação de um conjunto arquitetônico harmônico e identificado com as características arquitetônicas e materiais predominantes regionalmente e culturalmente.

V - Estabelecer mecanismos que permitam a preservação do patrimônio histórico e arquitetônico do Município sem inviabilizar ocupação e utilização dos mesmos.

Portanto, seguindo os preceitos legais, exigimos que seja impedida a construção daquela estátua que representa tamanha agressão ao ambiente da cidade.