Orionitas: Não FECHEM a Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


      A Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus, fundada com princípios cristãos, vem desempenhando seu papel na área de educação desde 1955, buscando qualidade em tudo que desenvolve. Hoje em 2017 possuindo o maior IDEB da cidade, a escola completará 62 anos de existência no dia 25 de novembro, atualmente com 691 alunos matriculados, mesmo com número de séries menor e um espaço reduzido, a quantidade de alunos ultrapassam a demanda, mas sem descartar aqueles que estão na lista de espera.

     Diante desse contexto, gostaríamos de agradecer em primeiro lugar ao Sagrado Coração de Jesus e a São Luis Orione que tem carregado nossa Escola Paroquial em seus braços, não podíamos deixar de agradecer também a SEDUC – Secretaria de Educação, Esporte e Juventude pelo convênio firmado com a Igreja Católica através da Congregação Pequena Obra da Divina Providência (ORIONITAS).  A congregação orionita disponibiliza o prédio em que a Escola funciona e o Estado por sua vez, disponibiliza servidores e recursos para manutenção e conservação dessa Unidade de Ensino.

     No início do mês de agosto deste ano, fomos surpreendidos pela congregação orionita na pessoa do Diretor Provincial Pe Josumar dos Santos, com a informação do encerramento das atividades da Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus, situada na Cidade de Araguaína, Estado do Tocantins, na data de 31 de dezembro de 2017.

     Vale ressaltar também, que não mediremos esforços para a continuidade dessa unidade escolar como Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus conveniada com a Igreja Católica. O documento de Puebla (nº 1040) afirma que a educação sob padrões católicos é lugar apto para o diálogo entre a fé e a ciência e um ambiente privilegiado para o crescimento da espiritualidade. Desperdiçar este lugar social privilegiado é ignorar aquilo que de mais rico a Igreja possui para oferecer ao mundo. Ignorar a contribuição da Igreja no processo educativo seria renunciar à própria missão evangelizadora da Igreja.

     Tomamos como exemplo o nosso Patrono São Luis Orione, onde ele diz que queria descobrir Jesus na pessoa dos pobres e desamparados. “Ver e sentir Jesus no ser humano”, essa foi sua luta e sentimento mais profundo, e sua opção de vida era a de ser “Um coração grande e generoso capaz de curar todas as dores e todas as lágrimas”. Diante do exposto uma escola com princípios cristãos nos dias de hoje é mais que necessário, é primordial, a educação de nossas crianças não é um papel apenas da família mais de toda a sociedade em que ela está inserida, por isso a necessidade dessa parceria: ESTADO + FAMÍLIA + IGREJA.

 

                                                                       Abraçamos essa ideia, juntos somos mais fortes!!!

Por favor, nos ajude a continuar com a Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus. Assine o nosso ABAIXO ASSINADO



Hoje: Comissão de Pais está contando com você!

Comissão de Pais Sag Cor de Jesus precisa do seu apoio na petição «NÃO FECHEM a Escola Paroquial Sagrado Coração de Jesus!». Junte-se agora a Comissão de Pais e mais 1.930 apoiadores.