Petition update

Assembleia Legislativa de Minas Gerais adere à campanha “Cerveja Também é Álcool”

Ministério Público do Estado de São Paulo
São Paulo, Brazil

Nov 23, 2015 — A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aderiu, nesta terça-feira (17/11), à campanha “Cerveja Também é Álcool”, do Ministério Público do Estado de São Paulo. O apoio foi aprovado na Comissão de Prevenção e Combate ao Uso de Crack e Outras Drogas durante audiência pública que pediu a revisão da lei que dispõe sobre as restrições ao uso e à propaganda de bebidas alcoólicas.

Por meio da mobilização popular e usando para isso a possibilidade dos cidadãos aderirem pela petição eletrônica e pelo abaixo assinado por escrito, a campanha "Cerveja Também é Álcool", criada em 2013, propõe a alteração do parágrafo único do artigo 1º da Lei Federal 9.294/96 para que as restrições à publicidade passem a abranger toda e qualquer bebida, com graduação alcoólica igual ou superior a 0,5 grau Gay-Lussac, conforme definição técnica do Decreto 6.117/2007, que institui a Política Nacional Sobre o Álcool. Pela atual redação, a restrição só é aplicada às bebidas com teor alcoólico superior a 13 graus Gay-Lussac, o que contribui para o consumo indevido de bebidas alcoólicas por crianças e adolescentes.

Idealizador da campanha, o Promotor de Justiça Jairo Edward de Luca, que estava presente na reunião da Comissão, enfatizou que “restringir propaganda de bebida alcoólica é um mandamento constitucional”.


Keep fighting for people power!

Politicians and rich CEOs shouldn't make all the decisions. Today we ask you to help keep Change.org free and independent. Our job as a public benefit company is to help petitions like this one fight back and get heard. If everyone who saw this chipped in monthly we'd secure Change.org's future today. Help us hold the powerful to account. Can you spare a minute to become a member today?

I'll power Change with $5 monthlyPayment method

Discussion

Please enter a comment.

We were unable to post your comment. Please try again.