Condor, comprometa-se a parar de comprar ovos de galinhas confinadas em gaiolas!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


Meu nome é Marli Pacheco e eu amo e defendo os animais. Por muito tempo, achei que não havia problemas em consumir ovos, pois não sabia do sofrimento que a produção de ovos poderia causar às galinhas. Hoje eu sei que isso está muito longe de ser verdade.

A terrível prática de confinar galinhas em gaiolas, considerada uma das piores causas de sofrimento animal, infelizmente ainda é muito comum no Brasil. Em sistemas que utilizam essa prática, as galinhas são mantidas em gaiolas minúsculas durante praticamente suas vidas inteiras. Elas mal podem andar, esticar suas asas ou expressar outros comportamentos naturais.
Além disso, é comum que fiquem presas, sofram lacerações ou tenham seus membros mutilados no aramado das gaiolas ou sob as bandejas de ração. Frequentemente elas sofrem e morrem. Aves mortas são encontradas em decomposição em meio a galinhas ainda botando ovos para consumo humano.

Fiquei sabendo que muitas empresas, incluindo grandes varejistas, como Walmart, Carrefour, St Marche, Cia Beal e Zaffari, já anunciaram compromissos proibindo o confinamento de galinhas em gaiolas em suas cadeias de suprimentos de ovos. Mas fiquei extremamente decepcionada quando descobri que o Condor, um supermercado que sempre frequentei, ainda não anunciou um compromisso nesse sentido.

Por favor, junte-se a mim e assine esta petição pedindo ao Condor que publique um compromisso de parar de comprar ovos de galinhas confinadas em gaiolas para todos os seus supermercados.

Assine e compartilhe a petição!
Marli Pacheco com a Mercy For Animals