BRASIL UNIDO PELA EDUCAÇÃO – ESCOLAS ABERTAS PARA TODOS!

Vitória

BRASIL UNIDO PELA EDUCAÇÃO – ESCOLAS ABERTAS PARA TODOS!

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 10.488 apoiadores!

Bruno Martins, Cristiano Bessa, Fernanda Araújo, Isadora Piana, Júlia Giovanni criou este abaixo-assinado para pressionar Congresso Nacional (PRESIDENTE DO CONGRESSO NACIONAL) e

Você sabia que o Brasil é um dos recordistas mundiais de tempo de escolas fechadas? Você sabia que a maior parte do país está sem aulas presenciais há quase 500 dias? Você sabia que os alunos vulneráveis são os que mais sofrem com esse fechamento demasiadamente prolongado? Você sabia que a escola é a principal rede de proteção social da maioria das nossas crianças e jovens?

Esta é a maior ruptura educacional da nossa história. Pela primeira vez corremos um risco real de haver regressão de escolaridade dos filhos em relação a seus pais. Uma tragédia sem precedentes.

Em uma declaração recente, o ministro da educação Milton Ribeiro falou que passou vergonha por ser o único país do G20 que permanece com escolas fechadas. Viramos piada internacional. 31 anos de Estatuto da Criança e do Adolescente; ao invés de defender nossas crianças, estamos sequestrando o futuro de toda uma geração.

Nos mais de 50 mil artigos científicos publicados sobre o tema COVID-19 e escolas já aprendemos muito. Escolas com protocolos são seguras para professores, colaboradores e alunos. Estudos, inclusive nacionais, mostram que abrir escolas não aumenta a taxa local de transmissão nem de mortalidade por Covid. Escolas abertas, quando há livre circulação de pessoas, não aumenta sequer o índice de mobilidade urbana nas comunidades. Em estudos nacionais, profissionais da educação em trabalho presencial se contaminaram 30x menos que a média da população. Há indícios de que as escolas talvez sejam o ambiente mais seguro do mundo pandêmico.

Vacinação para todos é muito importante, mas não é pré-requisito para reabertura das escolas com segurança. A grande maioria dos países do mundo reabriu escolas antes mesmo de existir vacinas.

Casos graves e mortalidade por coronavírus de 0-19 anos são eventos raríssimos e geralmente associados a crianças portadoras de doenças crônicas graves. Ao contrário do que se pensava inicialmente, crianças raramente transmitem covid para adultos. Em quase 80% dos casos elas se contaminam dentro de casa através de um adulto infectado. Nossas crianças e jovens são as principais vítimas não fatais da pandemia. Precisamos dar um basta ao lockdown pediátrico.

Atividades não essenciais, algumas com alto risco de disseminação da doença, já estão abertas com os devidos protocolos. Infelizmente a grande maioria das escolas do Brasil está fechada há quase 500 dias. Nossas autoridades parecem ter esquecido que educação é um direito básico constitucional.

Esta petição não é sobre ideologia política. Não é sobre ser de direita ou esquerda. Não é sobre o seu filho, nem o meu. Não é sobre escola pública ou privada. Não é sobre regiões ricas ou pobres. Não é ser contra o professor

É sobre todas as crianças e jovens do nosso país.  É sobre o grave e irreversível dano que está ocorrendo na saúde e desenvolvimento de toda uma geração. É sobre o enorme abismo educacional que veremos. É sobre o FUTURO DO BRASIL

Entidades internacionais alertam para a necessidade do retorno às aulas presenciais. Há incalculáveis malefícios do longo fechamento das escolas. A mesma ciência que produziu vacina em tempo recorde é a que prova, com veemência, que escolas com protocolos são seguras para todos. PAREM DE NEGAR A CIÊNCIA!

Faz-se urgente uma coordenação nacional pela reabertura das escolas com segurança. Congresso Nacional, Governo Federal e STF liderem esta pauta! Defendam a ciência e a educação!

Acreditamos que mais do que nunca este é o momento! É preciso voltar. É URGENTE! EDUCAÇÃO TEM QUE SER PRIORIDADE! PRECISAMOS RESGATAR O FUTURO DE TODA UMA GERAÇÃO!

O que defendemos:

1. Urgente cooperação entre Governo Federal, Congresso Nacional e STF para garantir financiamento necessário para a reabertura das escolas com protocolos.

2. União entre Ministério da Educação e da Saúde para criação e implementação imediata de um protocolo nacional de segurança para retorno às aulas presenciais em todo país, baseado nas melhores evidências científicas atualmente disponíveis.

3. Reabertura de todas as escolas do país, conforme protocolos de segurança, até, no máximo, agosto de 2021.

4. Garantia de aulas para todos os alunos, todos os dias!

Vitória

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 10.488 apoiadores!