Bolsonaro deve ser responsabilizado por apologia a maus comportamentos diante da Covid-19

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 75.000!


Me chamo Dione e perdi o meu marido, José Thadeu, para a Covid-19. Ele era policial militar aposentado e um seguidor fervoroso do presidente Jair Bolsonaro.

Por seguir fielmente tudo o que Bolsonaro diz, como chefe de estado do país, meu esposo continuou vivendo normalmente, sem tomar os cuidados devidos contra o coronavírus.

Em plena pandemia, o presidente do país continua quebrando o isolamento social (recomendado pela OMS e pelo próprio Ministério da Saúde), diminuindo a gravidade do problema, chamando o novo coronavírus de “gripezinha”, priorizando a economia ao invés de se importar com as milhares de vidas que estão sendo levadas por esse vírus.

Bolsonaro tem muitos seguidores que, assim como o meu marido, o admiram e seguem tudo o que ele faz e manda. Por isso, ele deve ser responsabilizado por estar fazendo apologia aos maus comportamentos diante da COVID-19!

Em apenas 2 dias, meu marido morreu. Não tinha apresentado sintomas graves que pudessem ser associados a esse maldito vírus. Depois que ficou doente, com um quadro avançado da doença, ele já estava achando Bolsonaro irresponsável, por andar sem máscara e apertando as mão dos seus seguidores. 

Espero que vocês me ajudem a parar essa irresponsabilidade. Alguém precisa deter Jair Bolsonaro! Precisamos salvar as vidas que estão em jogo neste momento!