Redução da mensalidade no ensino superior durante a pandemia do coronavírus

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


O setor de ensino, por meio de suas organizações, e também o governo através de seus órgãos, estão determinando a suspensão das atividades presenciais nas instituições de ensino superior das redes pública e privada. Por esta razão não haverá aulas presenciais até a superação da crise de contaminação do COVID-19. É fato que o governo está autorizando a classe empresarial a aplicar redução dos salários em 50%, com a justificativa de manter o emprego durante o enfrentamento da crise. Tendo em vista que as aulas serão ministradas, por tempo indeterminado, de maneira diversa da modalidade originalmente acordada e contratada e os demais agravantes do atual cenário, nos organizamos com o objetivo de reivindicar:

- Redução de 50% nas mensalidades de todos os alunos matriculados na modalidade presencial durante a presente crise, devendo esta redução durar enquanto esse momento delicado perdurar;

- O comprometimento de que as instituições de ensino superior realizarão aplicação das matérias por vídeo aula, devendo ainda desenvolver material de apoio pedagógico de aproveitamento das matérias e plantão de dúvidas ou de apoio, relacionado ao material disposto durante o referido período.

Objetivamos a possibilidade de diminuir as perdas que todos estaremos enfrentando durante este combate epidemiológico, podendo se propor um acordo de conciliação entre as lideranças das instituições de ensino superior e os alunos.