Sancionar a Lei que dá direito ao atendimento preferencial para o portador de Fibromialgia

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.500!


Em maio de 2019 foi aprovada a lei 2681, que dispõe sobre a disponibilização de atendimento prioritário às pessoas com Fibromialgia. 

Em agosto do mesmo ano, a lei foi revogada, pois não foi sancionada.

Nós, abaixo assinados vimos solicitar que a proposta seja revista, para que os que sofrem com essa doença tenham seus direitos assegurados. Não podemos aceitar o retrocesso.

Nós, que sofremos com a doença, ou somos amigos e familiares de que a possui, conhecemos as dores e as  dificuldades de quem sofre dores crônicas constantes.

Não há tratamento efetivo para a doença, que pode levar a incapacidade definitiva.

Quem tem dor, tem pressa.