Aprove a cirurgia no coração do José Victor! Ele é só um bebê e corre risco de vida.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 150.000!


Esse é o José Victor, um bebê que nasceu prematuro (33 semanas), de apenas 23 dias que já começou sua vida lutando contra uma infecção que contraiu no HRC (Hospital Regional de Ceilândia) depois de sua mamãe  passar dois dias aguardando a cesárea com a bolsa rompida.
Após alguns dias de luta na UTI NEO, os médicos suspeitaram de uma cardiopatia, que foi comprovada através de um Ecocardiograma realizado no HCB (Hospital da Criança de Brasília) no dia 28/07.
No exame, José foi diagnóstico como portador de COARCTAÇÃO DE AORTA DE GRAU CRÍTICO com CANAL ARTERIAL FECHADO necessitando de uma cirurgia cardiológica em caráter de URGÊNCIA, devido ao RISCO IMINENTE DE ÓBITO.
Fomos orientados a entrar na justiça por ser a única forma de conseguir a cirurgia cardíaca pelo Sistema Único de Saúde. O processo foi iniciado na Defensoria Pública e nos deram um prazo de 48h para receber uma RESPOSTA do SUS para que passem um prazo para a realização da cirurgia.
Mesmo depois da liberação/ autorização da Secretaria de Estado de Saúde do DF para a realização da cirurgia no Instituto de Cardiologia do DF, inseriram o José na fila de regulação de cirurgias com a validade de um mês corrente, mesmo sabendo da necessidade de emergência dessa cirurgia.
Enquanto aguardamos, José continua na UTI, tomando medicação em dose máxima para suprir a necessidade cardiovascular e correndo risco de adquirir uma nova infecção.
Fiz este abaixo-assinado para pedir ao Secretário de Saúde, Francisco Araújo Filho, que garanta uma vaga para a cirurgia do José. A vida do meu filho depende disso!
Ajude assinando e divulgando esta petição!
Não é aceitável que um bebê seja abandonado pelo Governo do Distrito Federal desta forma