Que a Justiça pelo atropelamento de minha mãe na Cidade Ocian em Praia Grande seja feita.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


Venho por meio deste recurso fazer um pedido que ajudem que a justiça seja feita no caso de minha familia.

Um motorista bêbado e sem carteira de motorista atropelou minha mãe na faixa de pedestre em alta velocidade no Centro da Ciadade Ocian em Praia Grande

O motorista responde em liberdade desde o segundo dia e minha mãe passou três dias no hospital onde faleceu.

Peço ajuda que do mesmo jeito que pesou a morte de minha mãe para mim e minha familia pese a justiça nele.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
No dia 15/11/18, às 16:55 meus pais, Sergio Potas e Maria da Graça Faria Veiga Potas estavam atravessando na faixa de segurança, viram que um carro estava parado e continuaram. Quando no meio da faixa o carro saiu de trás daquele que parou e acelerou para ultrapassar. 

Enquanto minha mãe em cima da faixa tentou correr, o carro acertou ela, sendo atropelada. E meu pai correu para trás sendo quase foi atropelado.

Ela foi lançada à frente, ainda em cima da faixa caiu, quebrando femur e ombro no momento.

O motorista estava bêbado,  sem carteira e a atropelou na faixa de pedestres.
.
Ficou no local, sendo curioso o momento que levantou e saiu andando, sendo pego pela população trazendo de volta ao local.

No dia foi levado preso ,mas no segundo dia teve liberdade provisória este respondendo em liberdade.

 Minha mãe foi levada ao hospital Irmã Dulce, ficou em observação durante 3 dias e no ultimo com perda de ar ela faleceu no dia 19/11/18.



Hoje: ALBERTO está contando com você!

ALBERTO POTAS precisa do seu apoio na petição «Que a Justiça pelo atropelamento na faixa de minha mãe na Cidade Ocian em Praia Grande seja feita.». Junte-se agora a ALBERTO e mais 789 apoiadores.