TJPA - ABAIXO-ASSINADO PELA SUSPENSÃO DO TRABALHO PRESENCIAL

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


No Brasil, mais de 4 mil pessoas morrem diariamente vítimas da COVID-19. No Pará, mais de 11 mil pessoas perderam a vida e 88% dos leitos de UTI estão ocupados. Familiares de servidores têm acionado a justiça para conseguir leitos hospitalares, mesmo quando são segurados de planos de saúde.

Os dados são alarmantes. Todos os dias recebemos notícias de colegas contaminados, internados, precisando de leitos de UTI, intubados, mortos.

O TJPA, entretanto, segue rifando nossas vidas, mantendo a obrigatoriedade do trabalho presencial, mesmo quando Ministério Público, Defensoria Pública, Procuradoria do Estado suspenderam seus expedientes internos e externos. E mesmo sem conseguir garantir a adequação dos locais de trabalho e o fornecimento dos EPIs necessários à proteção contra a doença.

E quando um de nós vai a óbito, a saudade e dor profundas que os familiares têm que suportar e até mesmo o desamparo financeiro não são considerados pela administração, que apenas substituirá o servidor em sua lotação e emitirá uma nota de pesar, talvez.

Ante essa situação, precisamos manifestar nossa indignação com a manutenção do trabalho presencial, nesse momento de recrudescimento da pandemia.

Sobretudo quando temos condições de desempenhá-lo de forma remota, considerando que o PJE já está implantado em todo o estado, nas áreas cível e criminal, o que possibilita o atendimento da demanda vinda da sociedade por prestação jurisdicional, com a dedicação que os servidores sempre tiveram no cumprimento das suas atribuições.

Uma suposta necessidade por maior produtividade não deve se sobrepor à vida de tantos integrantes do poder judiciário.

Ajude a pressionar para que o Tribunal de Justiça garanta a segurança dos seus servidores, o que nesse momento se traduz pela suspensão do trabalho presencial e adoção do trabalho remoto em todo o Estado do Pará.

Você pode ajudar! Vamos salvar vidas! Assine a petição!