Liberação da Moringa Oleífera para consumo e pesquisas

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


Havendo a publicação no Diário Oficial da União, na data de hoje, 4 de junho de 2019, sobre a proibição de alimentos com Moringa Oleífera.  Anvisa alega a falta de avaliação e comprovação de segurança no uso da espécie Moringa Oleífera. Ocorre que esta planta é usada há milênios na Ásia e África, aplacando a fome de pessoas e animais, trata-se de uma planta de alto valor nutricional e terapêutico, empregada em tratamentos e nutrição de alto nível para atletas, idosos e convalescentes de várias doenças graves. Não obstante, há inúmeras publicações sobre os benefícios da planta no mundo todo. Sendo assim, se nesta Federação Brasileira, faltam evidências e estudos sobre a planta Moringa Oleífera, pois que se abram as pesquisas e ela, que seja bem vinda ao mundo acadêmico, que seja oportunamente estudada e viabilizada para consumo e aplicação de seus ativos em cosméticos, suplementos e formulações fitoterápicas. Além de sua aplicabilidade a pecuária e agricultura familiar. E que seja liberada a sua venda e consumo livre aos cidadãos desta nação democrática.