O Museu do Café é NOSSO

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.500!


No Atual momento o Museu do Café permanece fechado. Ferramenta de Educação excepcional, ferramenta de identidade social local, todo ribeirão-pretano passou por lá na infância, com suas pantufas verdes para não riscar o chão, impressionado com as coisas incríveis que nunca se via em lugar algum, a não ser lá.

Os museus possuem a importância educacional de transferir a identidade social  a população onde quer que estes estejam. A identidade social local faz parte da identidade pessoal de um individuo e faz com que este integre um pertencimento a uma sociedade, grupo social, tribo e afins, onde este acha o seu "status quo" e o seu momento psicológico de zona de conforto ligado ao sentimento de pertencimento a uma região, local, país ou nacionalidade. Desta forma, a identidade social é capaz de controlar os índices de criminalidade abaixando-os, aumento o cuidado com os instrumentos sociais como escolas, postos de saúde e toda e qualquer ferramenta coletiva de uso público. Quando a identidade social não se faz presente, a violência, a depredação de patrimônio público e a destruição de bens particulares se fazem visíveis na sociedade. É neste momento que as ferramentas culturais conhecidas como museus são extremamente importantes. Pois estas transferem as gerações em crescimentos e mais jovens a sensação de pertencimento local. A memória de nosso povo é passado com carinho e cuidado as futuras gerações através do museus. E estas gerações compreendem como viviam e faziam para viver seus antepassados.

Neste momento, nossas ferramentas locais como Museu do Café e MIS  estão fechados e inutilizados. Nossa população não tem acesso a eles, e seu acervo e patrimônio estão deteriorados e esquecidos. Tudo isso porque temos políticos regionais que não possuem a identidade social local ribeirãopretana e não se importam do quão importante são os museus para a nossa sociedade. Fazem pouco caso da nossa identidade paulista caipira do interior e não se importam se nossa cidade está abandonada a violência, ao mal trato, ao enfeiamento estético, a índices alarmantes de violência e a falta de lazer e divertimento de nossa população. A educação de identidade social é inexistente dentro da perspectiva política de baixa cognição  e compreensão da realidade de nossa cidade. Nossos governantes não são capazes de enxergas as necessidades reais de nossa cidade e dão a atenção apenas a uma parcela alienada e extremamente egoísta da sociedade, onde se gasta muito dinheiro, mas nada de aparente e real é feito pela população em seu grosso modo. Diversão e lazer não se resume a shopping. Ela precisa de beleza, estética, variabilidade, diversidade e respeito a população Ribeirãopretana. Queremos museus abertos, funcionando, bem cuidados, com acervos em estado perfeito e sendo condicionados como os parâmetros internacionais de museus determinam. Chega de ser terceiro mundo!! Chega de comer mortadela e arrotar caviar!!! Queremos Estruturas decentes e gratuitas  de lazer e cultura a população ribeirão pretana.