Não a terceirização do SAMU Sergipe e do Hospital Regional de Glória

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 5.000!


ABAIXO-ASSINADO
Nós, abaixo-assinados (as), manifestamos repúdio à aprovação da Terceirização do
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) 192 Sergipe e do Hospital Regional
de Nossa Senhora da Glória pelo pleno do Conselho Estadual de Saúde, durante a
apreciação da Programação Anual de Saúde -2020, ocorrida em 30 de janeiro do corrente
ano. Solicitamos que o Governo Estadual de Sergipe revogue o edital de licitação
publicado em Diário Oficial no dia 03 de fevereiro de 2020. A 16ª Conferência Nacional
de saúde deliberou coibição e repúdio às práticas de terceirização da saúde. A Lei
8.142/1990 garante que as conferências de saúde são instâncias colegiadas, legítimas e
democráticas para propor as diretrizes de formulação das políticas de saúde. O problema
do SAMU e do Hospital Regional de N.S.Glória não são os trabalhadores. Esses serviços
padecem devido à infra-estrutura precária, gestão deficiente e ausência de melhores
condições de trabalho e remuneração. Salvamos vidas diariamente, merecemos respeito!