Brasil declare emergência climática #Climate Emergency – #AllinforClimateAction

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.000!


Esta petição faz parte de uma campanha internacional. Você encontra todas as petições aqui: www.change.org/allinforclimateaction

Meu nome é Kaime Silvestre, sou mato-grossense e ativista ambiental. Estamos diante de uma emergência climática. O clima chegou a este ponto decisivo que traçará o destino global que viveremos no futuro. Nós, ativistas ambientais de todo o mundo, estamos unidos no propósito de chamar a sociedade para deixar o discurso de lado e agir.

Uma crise global exige uma resposta global, e este ano teremos uma oportunidade única: a Cúpula de Ação Climática em Nova York, em setembro deste ano, onde todos os líderes mundiais irão se reunir. Nós, como representantes de países do sul global, precisamos de soluções drásticas para cuidar de nossa biodiversidade e implementar ações que fortaleçam mudanças em nossa população.

Assine esta petição e leia o que nós estamos solicitando ao governo brasileiro:

  1. Declarar a Emergência Climática, como forma de transmitir uma mensagem global e envolver toda a sociedade, reconhecendo as responsabilidades de agir e adotando ações urgentes.
  2. Incentivar o desenvolvimento sustentável real, onde iniciativas de energia sustentável, de melhoria da eficiência energética, inclusão de transporte limpo e programas de descarbonização sejam apoiados e financiados. Além disso, é preciso transformar a economia para levar em conta a dignidade dos trabalhadores e a igualdade de gênero.
  3. Estabelecer áreas de reserva ambiental na Amazônia e reverter o sucateamento das políticas de preservação e fiscalização ambiental dos ecossistemas vitais de nosso país. 
  4. Implementar programas de reflorestamento e dar destaque ao papel da biodiversidade de nosso país, da fauna nativa.
  5. Garantir sistemas alimentares sustentáveis, otimizando a agricultura rural, promovendo culturas de baixa emissão de carbono. Também é importante cuidar dos animais polinizadores (como abelhas) e usar agentes orgânicos, reduzindo o consumo de carne e promovendo estilos de vida saudáveis ​​e sustentáveis.
  6. Desenvolver planos robustos para se adaptar aos impactos climáticos, favorecendo os setores rurais. Também é preciso fornecer fontes de apoio financeiro para uma adaptação adequada baseada nas necessidades do ecossistema.

Assine esta campanha se você também é #AllinforClimateAction!

Os líderes globais devem promover e apoiar essas iniciativas de benefício para todo o planeta. Nós, que vivemos em países sul global, somos vulneráveis ​​às mudanças climáticas. Por isso, chamamos todos a acompanhar a reunião de setembro em Nova York.

Estamos coletando assinaturas em todo o planeta porque temos pouco tempo para que estas ações comecem, é uma emergência! Não queremos que a iniciativa seja apenas conhecida, mas que dê resultados efetivos e todos comecem a agir!

Foto: Isabela Cardoso/G1