NÃO RETIREM O BILHETE ÚNICO GRATUITO DO IDOSO!!! RESPEITEM OS DIREITOS DO IDOSO

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 300.000!


Não podemos permitir que os idosos fiquem sem a gratuidade do bilhete único na cidade de São Paulo! Isso é injusto! É um RETROCESSO!

Às vésperas do Natal, de maneira sorrateira, a Lei Municipal 15.912 de 2013 – que concede gratuidade no transporte público para idosos a partir de 60 anos – foi REVOGADA através da lei 17.542, em 22 de dezembro de 2020, sancionada pelo prefeito reeleito Bruno Covas.

A pandemia Covid-19 afetou diretamente a população idosa. Tanto por correrem o risco de morte pela doença quanto pela crise econômica. Muitos idosos estão passando NECESSIDADES!

Por isso, é cruel retirar a gratuidade das pessoas idosas entre 60 e 64 anos de idade, ainda mais neste momento tão difícil que enfrentamos. Isso pode impedir que eles se locomovam para ir ao médico, ao trabalho. Com certeza, irá agravar ainda mais a desigualdade social. Pois a grande maioria dos idosos que usam o Bilhete Único utilizam para se locomover a trabalhos informais, para gerar renda para suas famílias. Muitas vezes, sendo a única renda.

Isso tudo acontecendo enquanto o Executivo e o Legislativo da cidade aprovam reajustes de AUMENTO DE SEUS SALÁRIOS. Ou seja: as pessoas idosas entre 60 e 64 anos, que representam 5% da população de São Paulo, perdem um direito que lhes era garantido por lei e os políticos recebem aumento de salário. 

NÃO PODEMOS ACEITAR ISSO! Exigimos que sejam revogadas as leis sancionadas e que as pessoas idosas entre 60 e 64 retomem o direito à gratuidade no transporte público da cidade de São Paulo!