CADÊ A VERBA QUE ESTAVA AQUI? 45 MILHÕES! QUEREMOS A OBRA DO HOSP. DO CÂNCER NOVA FRIBURGO

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 35.000!


Olá amigos, sou o Jose Roberto Pacheco Folly, tenho 43 anos, sou o presidente da AMAPS (Associação de Moradores e Amigos da Ponte da Saudade), bairro aqui da Região Serrana do Município de Nova Friburgo, Estado do Rio de Janeiro. Tenho na família, e também muitos amigos e moradores aqui do bairro, da cidade, e cidades no entrono, que tiveram câncer, e por não terem este tratamento na cidade, tem que ir para a capital ou até outros municípios, sendo uma peregrinação e muito cansaço para todos, família e paciente, que voltam com reações diversas aos medicamentos, além de todo o cansaço. Isso me motivou fazer este abaixo-assinado.

Estamos com a obra de Adaptação e Ampliação de imóvel para implantação do Hospital Estadual De Oncologia Da Região Serrana, paralisada, aqui em nosso bairro, onde começaram a acontecer furtos de materiais, devido o abandono do canteiro de obras, situação relatada em documentos a polícia Civil, ao Ministério Público Federal e Estadual.

Esta nova unidade de saúde pretendia ser referência no tratamento de câncer na Região Serrana, com atendimento a cerca de 500 mil pessoas em serviços de clínica, diagnóstico, cirurgia, radioterapia, medidas de suporte, reabilitação e cuidados paliativos, ao longo do ano. Estava previstos a instalação de 200 leitos, sendo 30 destinados à infância, cerca de 300 consultas por dia e até 4.000 procedimentos cirúrgicos por ano. Na licitação realizada em novembro de 2014, foi estabelecido um investimento total de R$ 93,6 milhões, sendo R$ 10 milhões destinados à desapropriação do imóvel então pertencente ao Centro de Qualidade de Vida do Hospital Silvestre (conhecido como Centro Adventista de Vida Saudável, Cavs), R$ 48,6 milhões para as obras, e R$ 35 milhões para equipamentos. A empresa vencedora foi a FW Empreendimentos Imobiliários e Construções Ltda, que vinha realizando as obras desde então.

PROMESSAS DO GOVERNADOR EM 2015 EM VISITA AO CANTEIRO DE OBRAS! 

Em visita à cidade, em abril de 2015, o governador Luiz Fernando Pezão esteve no local destinado à construção do hospital, na Ponte da Saudade, e falou sobre a importância do projeto para a serra fluminense: 

“Desde a tragédia de 2011, eu ansiava por ajudar a reerguer a Região Serrana, especialmente Nova Friburgo. Entre outras dificuldades, observei o sofrimento das pessoas que moravam aqui e tinham que fazer tratamento de câncer no Rio. Levei esse anseio à presidente Dilma [Rousseff] e acertamos a parceria dos governos federal e estadual. Este será um hospital moderno e bem equipado e em cerca de um ano e meio já deve estar sendo concluído”, disse Pezão, na época.

Além de aproveitar a estrutura já existente, o projeto também prevê a construção de um bloco novo, de quatro pavimentos, para o funcionamento do Centro de Imagem. Ambas as estruturas deverão ter um jardim suspenso e serão interligadas por uma passarela coberta. É uma grande conquista para a rede estadual, que terá seu primeiro hospital totalmente direcionado ao tratamento oncológico”. 

Por estes motivos, sabendo que o prazo da verba esta se esgotando, pois ela voltará para o governo federal, por saber e ver, tantas pessoas doentes e morrendo, com esta doença, e que VIDAS estão em jogo, é que peço que você nos ajude assinando e compartilhando este abaixo-assinado, para todos os seus amigos, para que possamos juntos mobilizar o maior número de pessoas, para que o poder público retorne com esta obra.

Atenciosamente,

Jose Roberto Pacheco Folly - Presidente AMAPS.



Hoje: Amaps está contando com você!

Amaps Ponte da Saudade precisa do seu apoio na petição «Ministro da Saúde: CADÊ A VERBA QUE ESTAVA AQUI? 45 MILHÕES? QUEREMOS O RETORNO DA OBRA DO HOSPITAL DO CÂNCER NOVA FRIBURGO JÁ!! Assine e compartilhe por favor este abaixo-assinado da Associação de Moradores e Amigos da Ponte da Saudade!!». Junte-se agora a Amaps e mais 26.194 apoiadores.