Vitória

Pedimos a prisão de Cristiane Renata Coelho Severino

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 1.420 apoiadores!


Processo nº 0795169-40.2014.8.06.0001 da 3ª Vara do Júri de Fortaleza

Vossa Excelência Procurador Geral da Justiça Dr. Ricardo Machado, vimos por meio desse pedir sua intervenção no caso do Subtenente do Exército Brasileiro Francileudo Bezerra Severino, no sentido de agilizar o processo, que caminha impune há quase 6 meses. 

O subtenente Francileudo Bezerra foi envenenado e teve o pequeno filho, Lewdo Ricardo Coelho Severino, de apenas 9 anos, morto envenenado com chumbinho, dentro de sua própria casa, na noite de 11/11/2014, no bairro Dias Macedo, em Fortaleza-CE, e mesmo com o subtenente em coma, foi dado a ele voz de prisão, diante das falsas acusações da até então esposa Cristiane Renata Coelho Severino, imputando a ele a autoria da tragédia e o mesmo foi conduzido ao Hospital do Exército de Fortaleza, onde ficou por uma semana em coma e por 15 dias na condição de preso, tendo sua prisão relaxada após acordar, negar e contar sua versão dos fatos, do que se lembrava daquela fatídica noite até acordar na UTI.

O Inquérito Policial foi concluído, pelo delegado que preside o inquérito Dr. Wilder Brito Sobreira, na semana passada (27/04) e a autora do crime CRISTIANE RENATA COELHO SEVERINO foi indiciada , por homicídio triplamente qualificado e tentativa de homicídio. Como já se passaram quase 6 meses do crime, pedimos que seja decretada a prisão preventiva da mesma e ela aguarde o julgamento presa, não porque a Sociedade está pedindo e sim devido ela representar um risco à sociedade, à família, ao subtenente e ao pequeno Lucas Renan, o outro filho do casal, do qual ela perdeu a guarda e está agora com quem deveria, desde o começo estar; com o pai.

Caso não seja decretada a prisão ela aguardará o julgamento em liberdade, o que pode levar anos, e depois, mesmo julgada e condenada ainda terá o direito de recorrer em liberdade e não nos parece justo que uma mãe que tenha envenenado o próprio filho, vê-lo agonizar, morrer e não fazer nada para socorrê-lo, ter limpado os vestígios do veneno, se auto flagelado para se beneficiar da Lei Maria da Penha e imputado a outro a autoria do crime, mentido em depoimentos, destruído provas, atrapalhado as investigações...não merece aguardar o julgamento livre.

Pedimos a prisão da Cristiane Renata Coelho Severino e que aguarde o julgamento presa.

Atenciosamente,

Sandra Domingues

"Quando temos que ser a voz dos inocentes Justiça é o que se Busca"



Hoje: Sandra está contando com você!

Sandra Domingues precisa do seu apoio na petição «Ministério Público do Ceará (MPCE): Pedimos a prisão de Cristiane Renata Coelho Severino». Junte-se agora a Sandra e mais 1.419 apoiadores.