Disponibilização do Sensor Freestyle Libre no SUS para Diabéticos

Disponibilização do Sensor Freestyle Libre no SUS para Diabéticos

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!
Com 200 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!
Fernando Godoy criou este abaixo-assinado para pressionar Ministério da Saúde. e

Uma breve explicação:

Há alguns anos a empresa Abbot lançou um aparelho revolucionário que se chama Freestyle Libre , ele permite acompanhar a glicose de pacientes com diabetes tipo 1, de forma praticamente não invasiva, pois só basta aplicar um sensor no braço (Que tem um pequeno cateter), porém este sensor tem duração de 14 dias apenas e para piorar é muito caro para a maioria das pessoas (Em torno de R$ 280,00) por unidade. 

Porque melhoraria a vida das pessoas com diabetes?

Uma pessoa com diabetes tipo 1 não produz um hormônio chamado insulina (Que é produzido no pâncreas), sendo assim para que ele possa manter níveis adequados de açúcar no sangue é necessário injetar este hormônio pelo menos 3 vezes ao dia. Isso permite ao diabético a manter a saúde visto que do contrário ele irá ter graves consequências em vários órgãos. Um primo da minha mãe que não tratou corretamente, por falta de oportunidades como esta teve que amputar membros e ficou cego, muito triste.

Hoje os diabéticos tem acesso a tiras pelo SUS, para medir a glicose e estas significam mais furadas no dedo todos os dias, pelo menos umas 4x (Chegam a ficar com o dedo com calos). E é aí que entra o sensor, iria diminuir e muito o sofrimento de se furar todos os dias e mais ainda, seria muito mais fácil controlar o diabetes, pois é possível acompanhar se a glicose está estável, se está com tendência de queda ou alta, por exemplo. Com as tiras atuais só é possível saber o valor atual da glicose o que leva ao diabético ter que furar o dedo novamente após alguns minutos para saber o que está acontecendo. 

O que precisamos?

Ufa, se você chegou até aqui, já deve ter percebido que não é nada fácil a vida de um diabético, pois seria tão importante que o SUS distribuísse estes sensores para todos, com certeza melhoraria a qualidade de vida e mais ainda, muitos deixariam de usar o próprio SUS para tratar das complicações, ou seja, só tem benefícios. Hoje já são distribuídas as tiras (Que são caras também), então não teríamos diferença significativa no custo para o SUS. 

Ficaríamos extremamente felizes se pudessem apoiar esta causa.

Muito obrigado.

 

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!
Com 200 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!