Vitória confirmada

AURORA: Diga NÃO à tortura de porcas em gaiolas #TorturaAurora

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 6.414 apoiadores!


Você sabia que mais de 1 milhão de porcas parideiras no Brasil são forçadas a passarem praticamente suas vidas inteiras trancadas em gaiolas minúsculas para produzirem leitões? Essas celas de metal, chamadas gaiolas de gestação, são tão pequenas que elas não podem sequer andar ou se virar dentro delas. 

Sou médica veterinária e trabalho com proteção animal há 25 anos. Não tenho dúvidas de que  o sofrimento dessas porcas é um dos piores dentre os vivenciados pelos animais criados para consumo. Os dois maiores produtores de suínos nacionais – JBS (dona da Seara) e BRF (dona da Sadia e da Perdigão) – já anunciaram o fim do confinamento por toda a vida de porcas em gaiolas em suas cadeias de abastecimento. Agora, é hora da Aurora, terceiro maior produtor, também eliminar as desumanas gaiolas de gestação!  

Nós sabemos que campanhas como esta tem o poder de mudar práticas antiéticas de grandes empresas.  Não deixe de fazer parte!  Assine e divulgue esta petição em seus e-mails, Facebook, Twitter e quaisquer outros meios. 

Juntos nós podemos conseguir acabar com o uso de gaiolas de gestação no Brasil!

Com esperança e gratidão,

Vania Nunes

Médica veterinária e diretora técnica do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal - FNPDA

Siga esta campanha no Facebook!

 



Hoje: Vania Nunes, diretora técnica do FNPDA está contando com você!

Vania Nunes, diretora técnica do FNPDA precisa do seu apoio na petição «Mário Lanznaster, presidente da Aurora, Leomar Somensi, diretor comercial da Aurora, Marcos Antonio Zordan, diretor de agropecuária da Aurora: AURORA: Diga NÃO à tortura de porcas em gaiolas #TorturaAurora». Junte-se agora a Vania Nunes, diretora técnica do FNPDA e mais 6.413 apoiadores.