Não ao fim da Prevenção Social à Criminalidade

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 10.000!


 A Política Estadual de Prevenção Social à Criminalidade compõe desde 2002 as ações do estado de Minas Gerais no campo da segurança pública, sendo referência nacional e internacional em inovação e excelência na redução de violências e proteção social das comunidades assistidas, através dos programas Fica Vivo!, Mediação de Conflitos, Ceapa, PrEsp e Se Liga. Tais programas atuam em diversas cidades e territórios mineiros, prestando, anualmente, atendimento a centenas de milhares de pessoas em situação de vulnerabilidade social. 

 Em meio à crise gerada pelo novocoronavírus e as dificuldades orçamentárias, a Política de Prevenção foi praticamente levada ao fim devido a cortes de verba que resultarão no encerramento de atividades de quase todas as suas Unidades de Prevenção à Criminalidade. Compreendendo os diversos desafios que a situação atual nos coloca, ressaltamos a manutenção do trabalho das UPCs como uma atividade de grande relevância social, em especial por se relacionar diretamente a grupos que, em momentos de crise, tornam-se ainda mais vulneráveis a diversas mazelas e necessitam da atenção do Estado e suas políticas públicas. Por isto dizemos #NãoAoFimDaPrevenção e contamos com o seu apoio nesta causa.