Confirmed victory
Petitioning Humberto da Fonseca, secretário da saúde do Distrito Federal and 9 others

Aprove a cirurgia no coração do meu filho Artur! Ele corre risco de vida!

Moro em Brasília, sou mãe e peço sua ajuda para o meu filho Artur, um bebê de 5 meses que precisa de uma cirurgia urgente no coração. Ele está internado no HRT (Hospital Regional de Taguatinga).

Meu filho está esperando há meses pela cirurgia, que não foi confirmada pela Secretaria da Saúde do DF até agora. Ajude assinando e divulgando esta petição para pedir ao secretário da Saúde, Humberto da Fonseca, que garanta uma vaga para a cirurgia do Artur.

A situação do Artur é crítica. Se a operação demorar, o pulmão dele pode ficar prejudicado e ele terá sequelas. Meu filho não vai aguentar infeções, pneumonias e outros problemas que podem aparecer em uma longa internação.

O caso do Artur tem solução, mas a cirurgia tem que ser rápida!

Bebês com Síndrome de Down e problemas no coração, como o Artur, precisam ser operados por volta dos 6 meses de idade, ou sofrerão de hipertensão pulmonar pelo resto da vida.

Assine, divulgue e compartilhe para cobrar a Secretaria de Saúde!

This petition was delivered to:
  • Humberto da Fonseca, secretário da saúde do Distrito Federal
  • Secretaria de Saúde do Distrito Federal
  • Governo de Brasília
  • Maria de Lourdes, diretora de Regulação da Secretaria de Saúde do Distrito Federal
  • Colegiado de Gestão da Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal
  • Subsecretaria de Atenção Integral à Saúde - SAIS
  • Subsecretaria de Planejamento em Saúde - SUPLAN
  • Instituto de Cardiologia do Distrito Federal - ICDF
  • Governo do Distrito Federal
  • Secretaria de Saúde do DF


Debora Mendes started this petition with a single signature, and won with 174,939 supporters. Start a petition to change something you care about.




This petition can’t win without you

Add your name to help “Governo do Distrito Federal: Aprove a cirurgia no coração do meu filho Artur! Ele corre risco de vida!” win today. Every signature matters.