Contra o apagamento das marcas do território na DRE Campo Limpo - Graffiti é arte!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 1.500!


Em 2016 a Diretoria Regional de Educação Campo Limpo fez uma parceria com os coletivos "A Banca" e "Ciclo S.A" para realização do graffiti no prédio. Essa ação simbolizou a materialização das relações entre a Educação e as Culturas das Periferias, reafirmando a valorização das artes e expressões da população de M'Boi Mirim e Campo Limpo.

Ter a DRE Campo Limpo grafitada significou para nossa região a superação de uma barreira e a consolidação de um projeto de educação que levava em consideração as nossas culturas.

Esse graffiti foi apagado no sábado (25/03/2017), pintaram tudo de verde. Ato que nos violenta e impõe novas barreiras, deixando evidente uma postura de desrespeito e desprezo pela arte e pela população periférica, população essa que compõe as comunidades escolares da região. 

Pedimos o apoio de todas as pessoas que se indignaram diante dessa atrocidade, assim como as justificativas e os devidos encaminhamentos por parte da DRE Campo Limpo e da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo.

 



Hoje: Educação e Culturas está contando com você!

Educação e Culturas Periféricas precisa do seu apoio na petição «Diretoria Regional de Educação Campo Limpo: Contra o apagamento das marcas do território na DRE Campo Limpo - Graffiti é arte!». Junte-se agora a Educação e Culturas e mais 1.200 apoiadores.