O GREIP é nosso! Devolvam nosso espaço e nossos profissionais!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 15.000!


Nós, abaixo-assinados, moradores do município do Rio de Janeiro, utilizadores dos serviços da Vila Olímpica GREIP da Penha, ex-utilizadores do serviço e simpatizantes do local e seu público, gostaríamos de solicitar a REABERTURA do espaço, DEVOLUÇÃO do local ao seu público e readmissão de TODOS OS PROFESSORES E PROFISSIONAIS demitidos por Marcelo Crivella, sem nenhum tipo de motivo lógico ou racional.

Gostaríamos de investigação do ocorrido pelo Ministério Público do Rio de Janeiro e de providências em favor de nossa sociedade carioca, já tão carente de educação pública de qualidade e de incentivo aos esportes, que está perdendo uma das poucas instituições que funciona BEM em nossa cidade, mesmo quando os professores e administradores ficam sem receber seus salários por problemas da Prefeitura.

EXPLICAÇÃO DO CASO

O Prefeito Marcelo Crivella, na sexta, 20/07/2018, solicitou o espaço do GREIP para a Prefeitura e demitiu todos os funcionários do local. Os alunos foram informados por mensagens pelos professores. Dois funcionários da Prefeitura estiveram lá, no dia 21/07/2018, por volta de 14h, avaliando o espaço, sem nenhum tipo de autorização prévia. Filmado por pessoas que estavam lá.

A utilização do espaço do GREIP (Grêmio Recreativo e Esportivo dos Industriários da Penha) para atividades esportivas e culturais ligadas ao município acontece desde 1998, mas o espaço em si foi um ginásio fundado em 1949 e sempre foi da população local. Era utilizado para bailes, festas e eventos dos moradores do IAPI, desde que foi fundado. Quem conseguiu trazer a Prefeitura para trabalhar no espaço foi a vereadora Rosa Fernandes, que sempre trabalhou nessa região. Ela votou a favor do impeachment de Crivella, mesmo após receber ligações de sua equipe com ameaças ao seu trabalho. Agora, ele está desmanchando TUDO.

São crianças, adultos e idosos, muitos dos quais deficientes, perdendo suas atividades físicas e de socialização. São professores desempregados. Tudo sem nenhuma justificava plausível. Existem muitos espaços municipais abandonados, que podem ser usados pelo Prefeito, mas ele optou pelo desmanche de um local em pleno funcionamento. Temos muitas fotos das atividades lá dentro. A equipe de ginástica artística compete em nível estadual e ganha muitas medalhas, mesmo sem nenhum patrocínio privado e competindo com os grandes clubes. A equipe de dança do ventre se apresenta, todos os anos, na Feira da Providência, por conta própria. E são muitas outras histórias de sucesso alcançadas pelo trabalho de nossos professores, alunos e administradores do GREIP. Capoeira, natação, vôlei, badminton, ballet, jazz, hip-hop, canto, danças, ginástica local, yoga, pilates e muitas outras atividades são ministradas no local, além dos eventos populares de promoção de saúde para a população de humanos e animais de toda a cidade do Rio de Janeiro. TODOS SEMPRE FORAM BEM-VINDOS!

A população não pode perder seu espaço. São sonhos sendo destruídos. São deficientes abandonados. São mães, pais e responsáveis sem saber o que fazer. É a sociedade do Rio de Janeiro perdendo mais um pouco de suas maravilhas.



Hoje: Clarisse está contando com você!

Clarisse Araújo precisa do seu apoio na petição «Devolvam o espaço do GREIP e os professores! Nossos jovens precisam desse espaço para as atividades esportivas e culturais». Junte-se agora a Clarisse e mais 12.018 apoiadores.