Proibição da vaquejada

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


As vaquejadas são práticas ilegais e inconstitucionais, nas quais os animais são submetidos a abusos, crueldade e maus-tratos, realizadas sob o falso véu de manifestações das culturas populares, devendo ser coibidas com rigor pelo Poder Público e pela coletividade, conforme o disposto no art. 225, § 1º, VII, da Constituição Federal e demais leis ou atos legais de caráter ambiental.

E se por uma parcela pequena de possibilidades a vaquejada for cultura, isso não tira a possibilidade de seu fim. É sabido que a escravidão também já foi cultura, e por seu grande teor de crueldade foi extinta, assim como as lutas de gladiadores na Grécia antiga, etc. Tais práticas antes "cultura" hoje são inaceitáveis pela sociedade. Então, por que não acabar com um espetáculo de pura covardia, que é a vaquejada? Estudos da UIPA e pareceres de médicos veterinários dão conta da violência e dor pelas quais indefesos animais são forçados a suportar numa vaquejada. Contudo, não são divulgados para o publico os métodos cruéis utilizados para ocasionar a corrida dos bois, mas sabe-se de seu confinamento prévio por longo período, luvas com pequenos pregos para sustentar a cauda do animal, a utilização de açoites e a introdução de pimenta e mostarda via anal, choques elétricos e outras práticas caracterizadoras de maus-tratos. São perceptíveis os maus-tratos que os animais sofrem nas vaquejadas. A queda provoca luxações internas nos bois e muitas vezes até fraturas.

Vamos por um fim nessa tortura! 

NÃO A VAQUEJADA!

 



Hoje: Danrley está contando com você!

Danrley Cardoso precisa do seu apoio na petição «Deputados e Senadores federais: Proibição da vaquejada». Junte-se agora a Danrley e mais 1.695 apoiadores.