COVID-19: pelo tabelamento provisório no preço dos itens essenciais contra a doença

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 5.000!


O novo coronavírus já fez suas primeiras vítimas no Brasil e o número de infectados só aumenta. A população busca a quarentena e medidas de prevenção ao contágio, porém, muitas delas dependem de alguns itens essenciais, como o álcool em gel e as máscaras.

O problema é que alguns comerciantes estão abusando no preço desses itens, o que prejudica o acesso dos mais pobres e desencoraja seu uso. O controle de preços não é algo recorrente no modelo econômico do Brasil, porém, se tratando de uma pandemia declarada, é hora de um controle provisório no valor desses itens!

Alguns estados já estão tomando medidas para prevenir o abuso, como o PROCON-SP, que iniciou a “Operação Corona”, para verificar o aumento desproporcional no valor desses produtos. Queremos que o Ministério da Economia entre com uma ação nacional de controle desses valores durante a pandemia, além de tomar atitudes de subvenção para a produção dos mesmos, se necessário.

Devemos entender que o momento é delicado e exigem medidas extremas, entendendo que essas deverão ser tomadas apenas durante essa fase de pandemia declarada. Cuidar da saúde dos brasileiros é a prioridade e o governo precisa agir em todos os setores!