Petition Closed
Petitioning Conselho Monetário Nacional

Conselho Monetário Nacional, exigimos dinheiro laico em Estado laico


Em resposta ao procurador substituto do MPF em São Paulo, Pedro Antonio de Oliveira, que em respeito ao artigo 19 da Constituição pediu a remoção da frase "Deus seja louvado" das cédulas de real, o Banco Central disse que "A República Federativa do Brasil não é anti-religiosa ou anti-clerical, sendo-lhe vedada apenas a associação a uma específica doutrina religiosa ou a um certo e determinado credo." A resposta do BC se auto-refuta: acreditar em "Deus" não é algo que consta na crença de todos os brasileiros, é uma doutrina religiosa específica de um determinado credo. Os cidadãos brasileiros têm o direito de serem ateus ou acreditarem em vários deuses, ou, se acreditam num só deus, têm o direito de dar outro nome a ele além do que é dado no cristianismo. Portanto, exigimos que o Conselho Monetário Nacional respeite a Constituição imediatamente e pare de imprimir esta frase nas cédulas.

Letter to
Conselho Monetário Nacional
Assinei esta petição endereçada ao Conselho Monetário Nacional.

----------------
Remova ou substitua a frase antilaica das cédulas de real

Em resposta ao procurador substituto do MPF em São Paulo Pedro Antonio de Oliveira, que em respeito ao artigo 19 da Constituição pediu a remoção da frase "Deus seja louvado" das cédulas de real, o Banco Central disse que "A República Federativa do Brasil não é anti-religiosa ou anti-clerical, sendo-lhe vedada apenas a associação a uma específica doutrina religiosa ou a um certo e determinado credo." A resposta do BC se auto-refuta: acreditar em "Deus" não é algo que consta na crença de todos os brasileiros, é uma doutrina religiosa específica de um determinado credo. Os cidadãos brasileiros têm o direito de serem ateus ou acreditarem em vários deuses, ou, se acreditam num só deus, têm o direito de dar outro nome a ele além do que é dado no cristianismo. Portanto, exigimos que o Conselho Monetário Nacional respeite a Constituição imediatamente e pare de imprimir esta frase nas cédulas.
----------------

Sinceramente,