Vitória confirmada

Pelo fim das Carroças em Taubaté, SP.

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 358 apoiadores!


Pelo fim das carroças em Taubaté.

Com o aumento da consciência das pessoas em relação a boas praticas com animais, diversas cidades já saíram na frente. É o caso de Curitiba -PR, onde os vereadores aprovaram um projeto de lei enviado pelo prefeito Gustavo Fruet (PDT) para Câmara Municipal. A lei proíbe a exploração de animais como equinos, asininos, muares, caprinos e bovinos.

O projeto de Curitiba teve grande aceitação pelos vereadores, que aprovaram o texto por unanimidade. No entanto, eles destacaram que devem ser feitas ações de assistência social com as pessoas que ainda dependem das carroças para sobreviver.

PROIBIDO NO RIO DE JANEIRO!:

o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, sancionou a Lei 7.194/16 que proíbe o uso de animais de tração para transporte de materiais, cargas ou pessoas em charretes e carroças em todo o Estado. A norma não se aplica aos animais utilizados em áreas rurais e turísticas.


De acordo com o texto, o poder público é obrigado, através de seus órgãos competentes, a recolher os animais utilizados em atividades caracterizadas como maus-tratos. Nas áreas urbanas, também  ficam excluídas da lei as localidades onde seja necessário o transporte por meio animal.

A nova legislação já está em vigor e quando constatado o crime qualquer cidadão poderá comunicar aos órgãos competentes e de proteção animal através do 0300 253 1177. Quem descumprir será penalizado


Fim da Circulação de Carroças em Porto Alegre:
Agora é Lei!

O vice-prefeito de Porto Alegre, Eliseu Santos, no exercício da Prefeitura, sancionou no dia 10 de setembro o projeto de lei de autoria do vereador Sebastião Melo (PMDB) que prevê a retirada das carroças das ruas de Porto Alegre em até oito anos. Neste período, as pessoas que trabalham com estes veículos serão treinadas para realizar outras atividades produtivas.

Para Melo, a próxima etapa é transformar a lei em realidade. "A lei, sozinha, não resolverá o problema das carroças em Porto Alegre. A lei é um instrumento para ajudar a construir uma nova alternativa para estas pessoas que hoje estão excluídas da sociedade", afirmou o vereador.

Outra preocupação do projeto é o bem-estar animal, com o fim dos maus-tratos contra cavalos – cenas comuns nas ruas de Porto Alegre. "Muitos animais sequer recebem alimentação suficiente, água ou tratamento adequado", lamenta Melo. O vereador lembra que diariamente são produzidas 200 mil toneladas de lixo reciclável, das quais 130 mil são recolhidas por carroceiros e carrinheiros. "Isto está errado porque a coleta deve ser feita pelo poder público, e um sistema de contêineres deve ser implantado em alguns bairros, onde o acesso ao lixo ficará restrito ao órgão responsável pelo recolhimento", afirmou.

Amigos, para vocês que também amam, respeitam e protegem os animais, ajude-nos neste luta.

É preciso acabar com essa pretensão de que o ser humano é superior em relação a outros seres vivos como os animais. Assim como nós, os animais também sentem fome, dor, cansaço e tristeza. Cavalos não são escravos!

Na cidade de Taubaté vimos diariamente cavalos e burros sendo mal-tratados e carregando maior peso do que realmente suportam. E como se não bastasse, são "chicoteados" no lombo pra andarem mais depressa.
No trânsito, são conduzidos por vias de movimento, horários de pico, sujeitos a inúmeros acidentes.
Esta lei já foi aprovada em algumas cidades do país, está na hora da nossa cidade aderir a esta causa.

“Art. 3. – Consideram-se maus tratos: Obrigar animais a trabalhos excessivos ou superiores às suas forças e a todo ato que resulte em sofrimento para deles obter esforços que, razoavelmente não se lhes possam exigir senão com castigo”

Admiro os catadores que puxam suas próprias carroças. Esses sim são lutadores, trabalhadores e seres que respeitam os direitos dos animais.

Ser racional é saber e querer refletir para encontrar soluções. Acomodar-se é bem mais fácil, mas não leva a lugar nenhum.

Nós seres humanos, estamos na natureza para auxiliar o progresso dos animais, na mesma proporção
que os anjos estão para nos auxiliar. Portanto quem chuta ou maltrata um animal é alguém que não aprendeu a amar."

TÁ, MAS E A SOLUÇÃO? ONDE ESTÁ?

Cavalo de lata, que já funciona em algumas cidades do nosso Brasil; A prefeitura pode apresentar treinamentos para que as pessoas se aperfeiçoem em qualquer atividade que vai lhe dar um bom emprego, caminhonetes ou levar a própria carroça. Para tudo se tem uma solução. Não estamos mais no século XIX, por favor, lutem pelo bem estar dos animais.

 



Hoje: Luara está contando com você!

Luara Gabriela Ritter precisa do seu apoio na petição «Câmara de Vereadores de Taubaté: Pelo fim das Carroças em Taubaté, SP.». Junte-se agora a Luara e mais 357 apoiadores.