1 resposta

Contra o desmonte da Escola Municipal de Música

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 150.000!


Contra o desmonte da Escola Municipal de Música de São Paulo

Foi publicada ontem (17/2) pela Secretaria Municipal de Cultura a consulta pública do edital para a nova OS gestora do complexo do Theatro Municipal de São Paulo. Desta vez, além dos corpos artísticos do TMSP (orquestra, coros e quartetos de cordas), as escolas de música de dança também entrarão nesse contrato.

No entanto, o texto que define o novo projeto da Escola Municipal de Música de São Paulo é absurdo. Nesse novo projeto, como consta no edital para consulta pública, há uma drástica redução no número de alunos – alguns cursos terão menos da metade das vagas atuais –, extinção de cursos de instrumento como flauta doce e cravo – este último mencionado junto ao curso de piano como ”outros teclados” –, fim do Coro Adulto e da Orquestra Infantojuvenil. Além disto, propõe-se o ingresso na escola somente a partir dos 12 anos de idade em cursos que passarão a ter duração máxima de apenas 6 anos. Isto inviabiliza a formação de um músico que deseja ser profissional, missão da Escola há mais de 50 anos.

Com a redução da capacidade da Escola Municipal de Música, os atuais alunos também sofrerão um grande impacto, pois possivelmente muitos deles serão excluídos para que a instituição “caiba” no novo projeto proposto pela SMC.

Este projeto destruirá uma das instituições mais tradicionais de ensino de música do Brasil, que figura entre as mais importantes da América Latina e possui renome internacional.

Assine este abaixo-assinado: sua ação pode impedir mais um desmonte nas artes e na cultura.

Manifeste-se contra este projeto (item D):
https://participe.gestaourbana.prefeitura.sp.gov.br/consulta/theatromunicipal