Apenas 7% da capacidade da Represa de Camargos/MG está disponível por conta do ONS

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 25.000!


A Represa de Camargos é situada no município de Nazareno, no Estado de Minas Gerais. Composta pelo Rio Grande, seus habitantes contam com as águas da represa para subsistência, turismo e consequente retorno econômico.

Atualmente, sob administração do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para geração de energia, a vazão da região conta apenas com 7% de sua capacidade. Ano após ano, o período do verão é o escolhido para a limpeza das turbinas, exigindo-se portanto a redução da vazão da represa.

O que é reivindicado, no entanto, é a quantidade de água que está sendo removida e descartada despropositadamente para a realização do procedimento. Além disso, pedimos que o ONS atualize sua política para que a atividade seja executada na estação do inverno, não comprometendo assim a vida das pessoas que dependem da água no cotidiano, bem como a economia do povoado.

Vale ressaltar que não somos contra as atividades do ONS, já que contamos com os serviços prestados e entendemos que os mesmos contribuem para o desenvolvimento da área. Porém, não podemos compactuar com uma situação de esgotamento dos recursos hídricos a ponto de extinguir espécies da fauna e flora da região.

Caso não seja tomada uma conduta que adeque a necessidade energética à proteção ambiental, muito em breve não haverá capacidade de abastecimento nem para as atividades do próprio ONS, reduzindo assim sua produtividade e capacidade financeira.