BH sem fome! Apoie a renda emergencial municipal

Vitória

BH sem fome! Apoie a renda emergencial municipal

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 49.617 apoiadores!

Gabinetona BH PSOL criou este abaixo-assinado para pressionar Prefeitura de Belo Horizonte e

Desemprego e fome. Essa é a realidade de milhares de famílias de Belo Horizonte que perderam suas fontes de renda durante a pandemia da COVID-19 e que, combinada com a crise econômica e social que se agrava no Brasil, aumentou os índices de pobreza e extrema pobreza na cidade.

Dados de dezembro de 2020 mostram que, em Belo Horizonte, das quase 170 mil famílias do CadÚnico, mais de 35% vivem com menos de 89 reais mensais por pessoa e quase 10% têm de 89,01 até 178 reais mensais por pessoa para custear a vida. São quase 80 mil famílias em situação precária!

O aumento do preço do gás de cozinha, dos alimentos da cesta básica, o descontrole da pandemia, o fim do auxílio emergencial federal e a disparada no desemprego seguem custando caro para a população, e só as cestas básicas da Prefeitura não são suficientes para lidar com o problema.

A solidariedade dentro dos territórios e campanhas de combate à fome vêm sendo fundamentais, e por isso, unimos movimentos sociais, parlamentares das três esferas de governo, frentes de trabalhadores e lideranças populares para aprovar a Renda Emergencial em Belo Horizonte!

Propomos, junto com movimentos, entidades e ativistas populares de Belo Horizonte, o fortalecimento da Assistência Social e a criação de um benefício eventual mensal, semelhante ao auxílio-emergencial, que vai ofertar 600 reais durante seis meses para as pessoas que estão em situação de pobreza, extrema pobreza ou em risco social agravado pela pandemia da COVID-19.

Várias capitais já aprovaram medidas nesse sentido e chegou a nossa vez de lutar por uma BH sem fome!

Assine esse abaixo-assinado e compartilhe com a sua rede.

Vitória

Este abaixo-assinado foi vitorioso com 49.617 apoiadores!