Campanha Zera Iris, Zera Caiado

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 2.500!


Manifesto da Frente Conservadora, de Movimentos Sociais, Entidades e da Sociedade Goiana

Exmo Senhor Governador do Estado de Goiás e 
Exmo Senhor Prefeito de Goiânia,

Fomos obrigados por decreto a fechar nossas empresas e a interromper quase todas nossas atividades como medida de contenção ao avanço de um inimigo invisível, o COVID-19. 

Nossos funcionários também foram impedidos de ir ao trabalho garantir o sustento de suas famílias.

Ficamos de mãos atadas e impossibilitados de continuar a produzir riqueza e de gerar divisas, tanto para o Estado de Goiás, quanto para o município de Goiânia. 

Esta foi a cota de sacrifício de toda a sociedade goiana que tem apoiado e respeitado as normas estabelecidas, mesmo sabendo das terríveis consequências econômicas que estão por vir. 

Não é justo que sejamos os únicos a nos sacrificarmos no difícil combate à pandemia do Coronavírus. Seguem algumas das nossas propostas:

1 - ZERAR cobrança de água e esgoto para pequenos e micro empresários e famílias de baixa renda 

2- ZERAR cobrança do IPTU (proporcional a pelo menos 4 meses) 

3- ZERAR IPVA para o período de quarentena;

4- ZERAR impostos para insumos, serviços e produtos relacionados à área de saúde, especialmente os relacionados ao tratamento do Coronavírus;

5 - ZERAR taxas e impostos incidentes sobre as atividades de entrega à domicílio, especialmente os aplicativos;

Seguem também sugestões para medidas que podem auxiliar como suporte ao aumento do caixa estatal para que o estado possa viabilizar o auxílio aos goianienses: 

1 - A REDUÇÃO dos salários do funcionalismo público em pelo menos 30% (trinta por cento) pelo período de até seis meses;


3 - ZERAR  os gastos com quaisquer tipos de auxílios para servidores públicos do Estado de Goiás e o do Município de Goiânia;


5 - LIMITAR os gastos com publicidade estatal, exceto para a divulgação de assuntos relacionados à pandemia e ações relacionadas;

Vale lembrar que o governo Federal já está sensível a esta questão, isentando os impostos para produtos médicos e zerando o IPI para itens de combate ao Coronavírus, dentre várias outras medidas de socorro financeiro, especialmente para os Estados e Municípios. 

Não adianta apenas abrir linhas de crédito, nem aumentar o prazo para o pagamento dos tributos, pois teremos que pagar do mesmo jeito e é importante salientarmos que dívida é apenas uma demanda sobre trabalho futuro. 

Por isso, clamamos

Zera Iris! #zerairis

Zera Caiado! #zeracaiado