Ricardo Felício, longe de decisões sobre o meio ambiente!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!


O Prof. Ricardo Felício, cogitado para liderar o ministério de meio ambiente, usa linguagem manipulativa e falaciosa para alcançar o poder, justificando a destruição dos habitats brasileiros e empeçonhamento do ambiente. Do lado dele, ideias antigas sobre erros de medida e sobre as múltiplas causas do aquecimento, publicadas evitando o aval da comunidade internacional. Ele apela à religião e a ridicularização de fatos, mas não aporta nada. https://twitter.com/profrfelicio

Do lado da comunidade científica internacional, gigantescas bases de dados observados em todo o mundo e sujeitas ao crítico olhar de espertos nacionais e internacionais. Uma enorme quantidade de evidência demonstra as mudanças do clima, em fase acelerada de aquecimento no último século. O efeito dos diversos gases estufa e o desmatamento estão claramente evidenciados. Acesse aqui um compêndio de evidência em português. https://skepticalscience.com/docs/Guide_Skepticism_Portuguese.pdf

Felício nega o aquecimento a través de raciocínios falaciosos sobre a variabilidade natural deste processo, que tem múltiplos fatores causais. Com isso, provavelmente busca apoio da bancada ruralista por justificar desmatamento e liberação das emissões de CO2.


O professor tem currículo pobre em veículos científicos de qualidade, onde são necessárias evidências fortes para publicar. Porém aparece em inúmeros textos e vídeos locais, altamente argumentativos, onde evade padrões internacionais de qualidade científica. Ele é notório apenas por justificar a postura do futuro governo, não por defender uma ideia científica original e bem evidenciada. Já tentou ser deputado, sem sucesso, e vale-se de interpretações falaciosas da realidade para aparecer.

Digamos ao futuro presidente que não queremos charlatães tomando decisões!   

 

 

 


Hoje: Agustín está contando com você!

Agustín Camacho precisa do seu apoio na petição «Bolsonaro: Ricardo Felício, longe de decisões sobre o meio ambiente!». Junte-se agora a Agustín e mais 172 apoiadores.