Topic

animais

12 petitions

Update posted 3 days ago

Petition to Órgão Especial do TJSP, Órgão Especial, Presidente do TJSP, Decano do TJSP, Vice-Presidente do TJSP, Corregedor Geral do TJSP

Por um judiciário paulista que proteja os animais

(Please scroll down for English text) Quando foram criadas as Câmaras Reservadas ao Meio Ambiente do TJSP foi uma inovação, visto que nenhum outro tribunal tinha câmaras reservadas ao meio ambiente. Por anos essas câmaras foram constituídas por desembargadores que realmente defendiam o meio ambiente, inclusive os animais, que no Brasil estão inseridos no direito ambiental, aplicando corretamente a legislação de proteção ao meio ambiente e aos animais, e se recusando a aplicar leis inconstitucionais que autorizam crueldade contra os animais e outros atos lesivos ao meio ambiente. Esses desembargadores ao longo dos anos criaram uma jurisprudência favorável aos animais, inclusive criaram uma jurisprudência de que instrumentos como sedéns, mesmo que confeccionados em material macio, esporas de qualquer tipo, mesmo que não pontiagudas, cordas americanas, peiteiras, sinos, freios, bridões, chicotes, gamarras, hackamores, cintas, cilhas, barrigueiras e outros instrumentos que causam sofrimento aos animais e alteram seus comportamentos não podem ser utilizados em provas que fazem uso de animais, e também no sentido de que provas de laçada e/ou derrubada e o rodeio mirim não podem ser realizados. Porém, o que verificamos atualmente é um retrocesso das Câmaras Reservadas ao Meio Ambiente. A maioria dos desembargadores que estão atualmente nessas câmaras tratam as questões envolvendo animais com descaso. Se recusam a fazer cumprir a Constituição Federal e o Código Estadual de Proteção aos Animais, se recusam a aplicar os princípios da prevenção e precaução, aplicam leis que autorizam o uso de instrumentos que causam sofrimento aos animais, se curvam para leis inconstitucionais que autorizam maus-tratos a animais, dizem que se essas leis falam que um instrumento de tortura não causa maus-tratos então não causa e ponto final, não interessa se a comunidade científica comprovou que sim. Esses desembargadores suspendem liminares que haviam proibido o uso de instrumentos que causam sofrimento aos animais nas provas que se utilizam deles, e reformam sentenças para autorizar esses instrumentos, e mais absurdamente ainda dão provimento a mandados de segurança para autorizar o uso desses instrumentos em cidades onde foram proibidos por sentenças transitadas em julgado, demonstrando desrespeito pelos desembargadores anteriores e violando o princípio da segurança jurídica. Como se não bastasse nota-se que alguns desembargadores dessas câmaras não têm sensibilidade nem com o sofrimento de cachorros, animais que a maioria da população têm como companheiros, como amigos, visto que alguns desembargadores têm determinado devolução de cachorros maltratados para quem os maltratou. Nós que somos contra a crueldade para com os animais pedimos para que o Órgão Especial do TJSP não mais eleja desembargadores que defendem o uso de sedéns, mesmo que confeccionado em material macio, esporas de qualquer tipo, mesmo que não pontiagudas, cordas americanas, peiteiras, sinos, freios, bridões, chicotes, gamarras, hackamores, cintas, cilhas, barrigueiras e outros instrumentos que causam sofrimento aos animais e alteram seus comportamentos, prova de laçada e/ou derrubada, espancamento de animais nos bretes, rodeio mirim e/ou o uso de choques elétricos e mecânicos, que sejam a favor de devolver animais maltratados a quem os maltratou, e que apoiem ou tratem  como irrelevante qualquer outra forma de crueldade e maus-tratos aos animais para as Câmaras Reservadas ao Meio Ambiente. When the Environmental Chambers of the State of São Paulo Justice Court were created, it was an innovation, since no other Brazilian court had chambers reserved for the environment. For years, these chambers were constituted by judges who really defended the environment, including animals, which in Brazil are inserted into the environmental law, correctly applying legislation to protect the environment and animals, and refusing to apply unconstitutional laws that authorise cruelty against animals and other harmful acts to the environment. These judges over the years have created an animal friendly jurisprudence, including establishing jurisprudence that instruments such as flank straps, even if they're made of soft material, spurs of any kind, whether or not sharp, bull ropes, bells, bits, whips, martingales, hackamores, girths and other instruments that cause suffering to animals and change their behavior can not be used in rodeo and similar events, and also that roping, steer wrestling and vaquejada events can not be performed. However, what we are currently witnessing is a step backwards of the Environmental Chambers. Most of the judges who are currently in these chambers address issues involving animals with neglect. They refuse to enforce the Brazilian Federal Constitution and the State Code of Protection of Animals, refuse to apply the principles of prevention and precaution, apply laws that authorise the use of instruments that cause suffering to animals, bow to unconstitutional laws that authorise cruel instruments, say that if these laws say that an instrument of torture does not cause suffering then it does not cause and end of conversation, it does not matter if the scientific community has proven that it does. These judges suspend injunctions that had banned the use of instruments that cause animal suffering on rodeo events, and reform sentences to authorise such instruments, and more absurdly still provide for warrants to authorise the use of such instruments in cities where they were banned by final judgments, showing disregard for previous judges and breaching the principle of legal certainty. As if that were not enough, it should be noted that some of the judges in these chambers are not even sensitive to the suffering of dogs, animals that the majority of the population have as companions, as friends, since some judges have ordered the return of abused dogs to those who abused them. We who are against animal cruelty ask that the Special Organ of the State of São Paulo Justice Court no longer elect judges who defend the use of flank straps, even if they're made of soft material, spurs of any kind, even if not sharp, bull ropes,bells, bits, whips, martingales, hackamores, girths and other instruments that cause suffering to animals and change their behavior, roping, steer wrestiling and vaquejada events, kids rodeo and the use of electric and mechanical shocks, who are in favor of returning abused animals to those who abused them and who support or treat any other form of cruelty and animal abuse as irrelevant to the Environmental Chambers.

Mariana Bedesco Zampieri
4,980 supporters
Started 2 weeks ago

Petition to Ray-Ban , Luxottica Group S.P.A, Marco Catalani, Luxottica Group S.P.A

Ray-Ban, pare de usar couro em seus produtos!

A marca Ray-Ban, que faz parte do grupo italiano Luxottica, sempre foi a minha marca de óculos favorita, mas ontem eu tive uma decepção. Eu estava no site deles pesquisando para comprar um modelo clássico que eu amava e perdi, e me deparei com um destaque com a frase "Couro de bezerro é para quem ousa". Na hora tomei um choque! Não acreditei que eles estavam vendendo, em pleno 2017, couro de BEZERRO como algo incrível. Nos anos 50, quando não tínhamos tanto acesso à informação, usar couro era um símbolo dos "descolados" do mundo todo. Mas hoje em dia, usar couro é sinônimo de mau gosto, falta de compaixão, covardia e egoísmo! Enquanto várias marcas famosas estão deixando de usar couro, por motivos éticos, socioambientais e econômicos, mostrando que é possível aliar qualidade e durabilidade com materiais alternativos, a marca Ray-Ban está exaltando essa crueldade. Depois continuei pesquisando e li que algumas caixas dos meus óculos também eram de couro, que antes achava que era sintético. E, mesmo que as caixinhas fossem de couro sintético, não quero mais financiar uma empresa que trata um animal dessa forma! Qual a necessidade de usar couro em um óculos? Ray-Ban, reveja os seus conceitos. Pare de explorar os animais! ENGLISH VERSION >>> The Ray-Ban brand, which is part of the Italian group Luxottica, has always been my favorite brand of sunglasses, but yesterday I had a major disappointment. I was on their site researching to buy a classic model that I loved and had lost, and came across a highlight with the phrase "Calf leather is for those who dare to ware them". I was shocked at the time! I did not believe they were selling, in 2017, CALF LEATHER as something amazing. In the '50s, when we did not have so much access to information, wearing leather was a symbol of the "cool people" to the whole world. But nowadays, wearing leather is the symbol of being coward, lacking compassion, and selfishness! While several famous brands have decided to stop using leather, for ethical, socio-environmental and economic reasons, showing that it is possible to combine quality and durability with alternative materials, Ray-Ban brand is promoting this cruelty.Then I continued to search and I read that some of their cases, which I actually owned from previous purchases, were made of leather!!! And even though I always thought they were synthetic materials, I do not want to finance a company that treats an animal like that! Why use leather in a pair of glasses? Please Ray-Ban, review your concepts. Stop exploring the animals!

Camilla Mota
2,507 supporters
Update posted 6 months ago

Petition to Ministerio Publico, policia federal

prender a mulher que fura o olho deste cachorro e a pessoa que filma a ação. *resolvido*

*resolvido, leia no final* *solved, scrowdown for info* um vídeo de crueldade extrema está circulando no facebook. um cachorro amarrado e amordaçado é brutalmente chutado por uma mulher usando uma bota de salto alto, ela usa o salto para furar o cachorro. no fim do vídeo, com um salto ela fura o pescoço do cachorro e com o outro salto ela fura o olho do cachorro. exatamente, mira, e empurra o salto lentamente e gira o salto dentro do olho do cachorro, destruindo tudo possível, totalmente insensível aos gemidos do cachorro, que ainda está vivo e consciente. por favor, assinem a petição. para que esta mulher seja achada. e que ela pague por este crime hediondo. os culpados são vicente e dorma ridon e foram presos nas filipinas, o caso está no link https://www.anda.jor.br/2014/10/casal-filmou-videos-crueldade-animais-condenado-prisao-perpetua/ translationFind and hold the woman who pierces the eye of this dog and the person filming the action.A video of extreme cruelty is circulating on Facebook. A dog tied and gagged is brutally kicked by a woman wearing a high heel boot, she uses the heel to pierce the dog. At the end of the video, with a leap she pierces the dog's neck and with the other he leaps the dog's eye. Exactly, aim, and push the heel slowly and turn the heel inside the dog's eye, destroying everything possible, totally insensitive to the whines of the dog, who is still alive and conscious. Please sign the petition. For this woman to be found. And let her pay for this heinous crime. The culprits are vicente and dorma ridon and were arrested in the philippines, the case is in the linkHttps://www.anda.jor.br/2014/10/casal-filmou-videos-crueldade-animais-condenado-prisao-perpetua/

elisa tavares
35,263 supporters
Update posted 6 months ago

Petition to Xi Jinping, Sr. Chen Wu, Membros do Governo Central Chinês

PAREM O FESTIVAL DE YULIN

"Caros amigos, Para abastecer o festival de carne canina de Yulin, alguns cachorros são roubados de seus donos. Eles são espancados até a morte ou acabam morrendo por hemorragia. Depois, são pendurados de cabeça para baixo em ganchos, quando cada animal sofre um corte a partir do ânus e tem a pele arrancada: com isso, a carne já pode ser vendida para o consumo. Deve ser um sofrimento insuportável. Segundo uma pesquisa recente, em termos de emoções, o cérebro canino é muito parecido com o humano, algo que os donos e amantes de cachorros sabem muito bem. Quando consideramos os cães como seres vivos com pensamentos e sentimentos, as torturas que sofrem em um 'festival' como este são inimagináveis. Milhares de ativistas chineses e milhões de membros da Avaaz protestaram contra o festival e as autoridades locais responderam com uma promessa de 'tomar medidas imediatas para prevenir que o festival continue acontecendo'. Esse pode ser um avanço considerável – vamos pressioná-los para cumprir a promessa e acabar de vez com a matança dos cachorros. Na medida em que as assinaturas forem chegando, a Avaaz irá colocar anúncios, engajar artistas e colocar o assunto nas manchetes de jornais do mundo inteiro, até que as autoridades chinesas tomem uma atitude. Acrescente seu nome na petição e ajude a divulgá-la: https://secure.avaaz.org/campaign/po/stop_the_puppy_slaughter_onboard/?bhiAcmb&v=79443&cl=12613224956&_checksum=a47156f45eab6bf3b4ab2f75c07c1f739cc4ba3c56d8b47af8d10c5a7d70a00d Graças a corajosos ativistas chineses, o festival tem encolhido com o passar dos anos. As autoridades de Yulin já deixaram de patrocinar o festival e passaram a proibir a participação de seus funcionários – agora eles prometeram acabar com o evento. A hora está chegando. Se milhões de nós continuarmos pressionando, poderemos livrar milhares de cachorros de uma tortura horrível. O festival de Yulin não é uma tradição milenar: ele só teve início em 2010! E muitos argumentam que o evento foi criado justamente para impulsionar as vendas da indústria de carne. Uma pesquisa conjunta da Avaaz com a Humane Society International e o grupo chinês Capital Animal Welfare Association apontou que a maioria dos cidadãos chineses – 64% – querem o fim do festival. Para 62% deles, isto danifica a reputação da China no resto do mundo. Agora cabe a nós manter a pressão nas autoridades chinesas até que ações de verdade sejam realizadas. Assine a petição e encaminhe esse e-mail para amigos e parentes. Vamos fazer uma petição gigante! https://secure.avaaz.org/campaign/po/stop_the_puppy_slaughter_onboard/?bhiAcmb&v=79443&cl=12613224956&_checksum=a47156f45eab6bf3b4ab2f75c07c1f739cc4ba3c56d8b47af8d10c5a7d70a00d Nossa comunidade já fez campanhas contra a crueldade em um rodeio da Espanha, contra o descarte e a matança de pintinhos na Alemanha e contra as terríveis condições de fazendas pecuárias na Espanha e na França. Agora é hora de ajudar o melhor amigo do homem e deter a matança de cachorros de uma vez por todas. Com esperança, Rewan, Danny, Luis, Patricia, Jooyea, Mike, Ricken e toda a equipe da Avaaz" Mais informações: Pesquisa: Maioria dos Chineses são contra "festival de carne canina" e pedem fechamento (em inglês) (Xinhua)http://news.xinhuanet.com/english/2016-06/19/c_135448611.htm Governo de Yulin "irá tomar medidas" contra festival de carne canina (em inglês) (Channel NewsAsia)http://www.channelnewsasia.com/news/asiapacific/yulin-government-taking/2881280.html China prepara festival que mata 10 mil cães e gatos anualmente (Tribuna Hoje)http://www.tribunahoje.com/noticia/175287/mundo/2016/04/08/china-prepara-festival-que-mata-10-mil-ces-e-gatos-anualmente.html Yulin Dog Meat Festival 2016: Aparecem novas fotos das condições de “pesadelo” para animais envolvidos no evento chinês (The Independent) (em inglês)http://www.independent.co.uk/news/world/asia/yulin-dog-meat-festival-2016-new-pictures-emerge-of-nightmare-conditions-for-animals-involved-in-a6973021.html#gallery Público chinês exige que governo reprima indústria de carne canina (Channel NewsAsia) (em inglês)http://www.channelnewsasia.com/news/asiapacific/chinese-public-urges/2665086.html A China precisa acabar com o terrível festival de carne canina neste ano (Observer) (em inglês)http://observer.com/2016/04/this-year-china-needs-to-end-its-horrific-dog-meat-festival/ Ativistas de direitos dos animais de olho no festival de carne canina da China (VOA) (em inglês)http://www.voanews.com/content/animal-rights-activists-target-china-dog-meat-festival/3283551.html

waslley FB
2,218 supporters