Vamos lutar por uma tarifa justa para os motoristas de aplicativos!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Senhores motoristas de aplicativos,

Vamos unir a categoria e brigar por melhorias na precificação das plataformas! Hoje, o valor repassado a nós, torna quase que inviável a utilização da plataforma para gerar renda. Precisamos nos submeter a uma carga de trabalho exaustiva, insalubre e perigosa para alcançar o mínimo de lucro para o nosso sustento.

O GNV acaba de receber um novo aumento, chegando ao preço médio de R$ 2,76 (dois reais e setenta e seis centavos) por metro cúbico na cidade do Rio de Janeiro. A tarifa paga aos motoristas está muito baixa, chegando ao ponto de em determimadas corridas serem quase que uma troca de dinheiro. 

Hoje, o custo médio do seguro para um carro sedam compacto, 2016 em diante, para motoristas homens de até 30 anos, residentes no estado do Rio de Janeiro, e que cubra o uso do veículo para fins profissionais, gira em torno de R$ 4.000 (quatro mil reais) por ano. Dividindo por 12 meses, significa um custo de R$ 333,33 (trezentos e trinta e três reais e trinta e três centavos) por mês. Vale ressaltar que a grande maioria dos seguros não oferece o parcelamento desse valor em 12 meses. Normalmente a parcela é de até 5 meses, chegando no valor de R$ 800,00 (oitocentos reais) nos 5 primeiros meses do ano. É sufocante!

A manutenção de um carro popular a partir de 2008 gera um custo total por volta de R$ 3.000 (três mil reais) até os 60mil Km rodados do carro. Esse valor ainda sobe de acordo com o ano do carro, uma vez que o uso de tecnologias avançadas é cada vez maior nos veículos. Importante! O tempo médio para o alcance dessa quilometragem é de 8 a 11 meses. 

A lavagem mais barata que se encontra na cidade tem o valor de R$ 15,00 (quinze reais). Isso referente a uma lavagem externa. Precisando de uma lavagem interna de tempos em tempos, que custa em média R$ 30,00 (trinta reais), o custo cresce ainda mais.

Outro custo que nós temos, são os impostos e taxas para a regularização do veículo. Me refiro ao IPVA, que tem o valor calculado sobre o valor do carro estipulado pelo estado. A alíquota para carros com GNV é de 1,5% no estado do Rio de Janeiro. Há também a vistoria anual para a liberação do uso do GNV feita pelo Inmetro, cujo o valor médio no estado é de R$ 180,00 (cento e noventa reais).

Para que o motorista consiga arcar com todos os custos básicos para usar a plataforma sem queda na qualidade do serviço oferecido e arcar com os custos do dia a dia, é necessário ao menos R$ 200,00 (duzentos reais) líquidos por dia, equivalente a no mínimo 10 horas de trabalho, todos os dias da semana. É importante destacar que esse valor, por muitas vezes, é impossível de ser alcançado mesmo com essa carga de trabalho.

Existem também os custos relacionados as multas, avarias e insegurança. Custos que devem ser provisionados. Afinal de contas, estamos expostos a tudo, e por um longo período do dia.

Por último, ainda temos gastos pessoais. Aluguel ou parcela de imóvel, aluguel ou parcela de veículo, água, luz, condomínio, IPTU, alimentação, saúde, estudos... Esses itens, impossíveis de calcular, mas de grande importância. Quem trabalha na Uber, trabalha com a intenção de poder arcar com todos esses custos. Além de todos os outros citados anteriormente. Ninguém trabalha por trabalhar.

Outro ponto que chama mais atenção! Um dia o carro deverá ser trocado. Isso não é possível com as possibilidades de ganhos atuais.

Atenção! Nos moldes que as coisas estão, estamos trabalhando pra sobreviver. Não sobra um centavo e um minuto pra viver! As vezes falta até para sobreviver. Tem motorista se enrolando com dívidas e mais dívidas pra poder rodar na plataforma. 

Estamos entrando em colapso financeiro!!! Não há como arcar com os custos com a tarifa que é oferecida hoje!!!

Segue uma sugestão de precificação mínima para a categoria inicial referente ao repasse aos motoristas de aplicativos de qualquer plataforma (estado do Rj):

- Valor / Km = R$ 1,75 (um real e setenta e cinco centavos);
- Valor / Minuto = R$ 0,30 (trinta centavos);
- Valor Mínimo = R$ 10,00 (dez reais);
- Taxa de cancelamento: R$ 8,00 (oito reais);
- Valor Inicial = R$ 3,50 (três reais e cinquenta centavos).

Apesar dos dados coletados serem referentes aos custos dos motoristas do estado do Rio de Janeiro, é clara a necessidade de revisão dos valores em nível nacional. 

Compartilhem esse abaixo assinado com o maior número de pessoas para que consigamos a maior mobilização possível, e assim alcançar nosso objetivo! 

Fonte das Informações:

- Valor GNV: http://bandnewsfmrio.band.uol.com.br/editorias-detalhes/zona-sul-ja-registra-aumento-no-preco-dos-com

- Valor Seguro: https://www.iq360.com.br/seguro-auto/ferramentas/simular-seguro-auto/caso-especial

- Valor IPVA: https://extra.globo.com/noticias/economia/governo-divulga-tabela-com-valores-de-veiculos-para-calculo-do-ipva-2018-rv1-1-22228794.html

- Valor Inspeção Inmetro: http://inspeauto.com.br/vistoria-gnv-2/

- Valor Manutenção até 60mil Km: https://www.carrosnaweb.com.br/fichadetalhe.asp?codigo=4821



Hoje: Gustavo está contando com você!

Gustavo Gonçalves precisa do seu apoio na petição «Vamos lutar por uma tarifa justa para os motoristas de aplicativos!». Junte-se agora a Gustavo e mais 238 apoiadores.