Universal Pictures: queremos Boy Erased no Brasil

0 have signed. Let’s get to 100!


O filme Boy Erased - Uma Verdade Anulada, que tinha estreia prevista no Brasil para o dia 31 de Janeiro de 2019, teve sua estreia cancelada pela distribuidora Universal Pictures, que até o momento não justificou o motivo do cancelamento.

O filme conta a história de um garoto convertido ao procedimento pseudocientífico de reorientação sexual expõe mostra os horrores desse assim chamado tratamento. 

O ator Kevin Mchale alegou que o motivo do filme não ser exibido no Brasil é que o presidente Jair Bolsonaro, conhecido por suas opiniões hostis contra os LGBT, está censurando materiais pró-LGBT no Brasil. O escritor Garrard Conley, autor do livro que inspira o filme, também disse em seu Twitter que se trata de censura.

Jair Bolsonaro foi eleito democraticamente em 2018, mas é abertamente simpático à ditadura militar que censurou manifestações artísticas no Brasil durante quase 20 anos. A censura de um filme pode ser o prelúdio da volta dos dias sombrios de um regime autoritário. É muito importante que nos manifestemos contra os primeiros sinais de ditadura para evitar autoritarismos mais sérios no futuro e mostrar que a censura não tem mais vez no Brasil.

Mais do que conscientizar as pessoas sobre os horrores da "cura gay", mais do que dar aos LGBT visibilidade na sétima arte, precisamos impedir a censura do filme Boy Erased pelo bem da liberdade artística e de expressão em nosso país.

Universal Pictures, nós queremos Boy Erased - Uma Verdade Anulada sendo exibido nos cinemas brasileiros!