Urgente impedimento de reativação da Mina Casa Branca, da MGB dentro do Parque Rola Moça

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 7.500!


A comunidade de Casa Branca luta contra reativação da Mina Casa Branca, que se encontra em fase de licenciamento na SUPRAM, e que pretende minerar em área de amortecimento do PESRM- Parque Estadual da Serra do Rola Moça, em absoluto desrespeito à Lei 9.985/200 SNUC- Sistema Nacional de Unidades de Conservação.
Tendo em vista a existência de um passivo ambiental, na área da Mina Casa Branca que foi abandonada, em razão da complacência do Judiciário na aplicação das leis de proteção ambiental, o que constitui incentivo aos infratores a persistirem em condutas delituosas, gerando como consequência a impunidade, não podemos aceitar a ideia de que a Mineradora precisa minerar dentro do Parque para recuperar a área de seu passivo Ambiental. A empresa MGB precisa pagar pelo que fez e ter seus pedidos de licença negado. Não queremos mais estragos. Este projeto monetário, dentro de UNIDADE DE CONSERVAÇÃO, põe em risco os mananciais que abastecem 40% da Região Metropolitana de Belo Horizonte, são 6 mananciais de água que  abastecem mais de 2 milhões de pessoas de BH, além de toda a Comunidade de Casa Branca. Pelo exposto, nós abaixo-assinados e devidamente identificados, solicitamos ao órgão Licenciador SUPRAM e ao Ministério Público que examinem a questão com profundidade e optem pelo não licenciamento e pela responsabilização criminal desta empresa predadora.



Hoje: Antônio Carlos está contando com você!

Antônio Carlos Caldeira Ramos precisa do seu apoio na petição «SUPRAM e Ministério Público que optem pelo não licenciamento e responsabilização cívil e criminal : Urgente impedimento de reativação da Mina Casa Branca, da MGB dentro do Parque Rola Moça». Junte-se agora a Antônio Carlos e mais 5.002 apoiadores.