Abaixo-assinado encerrado

Mulheres e Homens na renovação do Ministério Ordenado católico

Este abaixo-assinado conseguiu 20 apoiadores!


Santíssimo Padre,

Nós, abaixo assinados, cristãos católicos, recebemos como um sinal do Espírito Santo o fato de Sua Santidade, Papa Francisco, considerar a necessidade de ordenar homens casados a fim de suprir a diminuição crescente e constante dos últimos anos de homens celibatários para o ministério ordenado.

São inúmeras comunidades eclesiais – e no Brasil, de modo especial, em regiões distantes, de difícil acesso, vilarejos com população pequena e culturas específicas, bem como nos grandes centros urbanos com sua complexidade e desafios – com dificuldades de oferecer o dom e a graça da fé cristã aos seus fiéis por conta da ausência ou da presença equivocada de ministro ordenado. Falta-nos o alimento fundamental – a Eucaristia – e a convivência comunitária para como povo de Deus possamos celebrar a vida e a fé de forma integral.

A presente preocupação leva-nos a um diálogo maior e frutuoso. Pois devemos considerar que em muitas paróquias são as mulheres que se dedicam cotidianamente aos serviços do templo, das orações, do cuidado aos fiéis, a catequese das crianças e jovens, e também da solidariedade cristã por meio da caridade junto aos que mais sofrem. São inúmeras religiosas – inclusive com formação suficiente e adequada – mulheres casadas, solteiras e viúvas que são reconhecidas pela comunidade como referência eclesial. Sendo assim, não poderíamos deixar de considerar essa força presente e insubstituível para a missão da Igreja de Jesus Cristo.

A proposta da Boa Nova de Jesus Cristo, reforçada pela teologia de Paulo apóstolo, são de incluir a todos sem exceção, homens e mulheres, celibatários, casados, viúvos, à missão de anunciar o Evangelho. Portanto, todos somos corresponsáveis a enfrentar os desafios dos tempos atuais com a presença viva da Igreja por meio de seus inúmeros vocacionados e vocacionadas. Inclusive contamos com homens ordenados hoje em situação matrimonial que também poderiam contribuir de modo efetivo com a vida da Igreja ao serem reincorporados ao colegiado presbiteral.

Uma nova configuração do ministério ordenado – democrático, abrangente, inclusivo, comunitário e encarnado – é urgente. Considerando que as comunidades eclesiais também tem um papel preponderante em indicar, formar, escolher, apoiar e acolher as pessoas que se revelam vocacionadas e legitimadas a assumir a missão seja sacramental ou administrativa das nossas comunidades que tanto precisam de novo ardor missionário.

Nesta singela campanha de assinaturas, pedimos a Vossa Santidade, papa Francisco, a atenção especial às questões aqui apresentadas.

Professamos nosso mais profundo respeito e humildemente contamos com vossas orações,



Hoje: Nós Somos a Igreja SP está contando com você!

Nós Somos a Igreja SP precisa do seu apoio na petição «Sua Santidade o Papa Francisco: Mulheres e Homens na renovação do Ministério Ordenado católico». Junte-se agora a Nós Somos a Igreja SP e mais 19 apoiadores.