STJ nega liberdade a mãe de quatro crianças condenada por furtar ovos de Páscoa

Já assinou 0 pessoa. Ajude a chegar a 100.


A Defensoria Pública de São Paulo havia pedido o habeas corpus na última sexta-feira, com os argumentos de que a sentença era desproporcional à tentativa de furto e de que Maria* é mãe de quatro crianças — de 13, 10 e 3 anos de idade, além de bebê de 1 mês que está com ela na penitenciária, mas que será separado da mãe ao completar 6 meses.



Hoje: Lucia Helena está contando com você!

Lucia Helena Pinto precisa do seu apoio na petição «STJ: STJ nega liberdade a mãe de quatro crianças condenada por furtar ovos de Páscoa». Junte-se agora a Lucia Helena e mais 9 apoiadores.