Servidor público NÃO pode receber salário sem trabalhar! Queremos mais fiscalização!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Há anos a população é desrespeitada por descaso dos órgãos e servidores públicos, principalmente quando precisam de atendimento médico.

Um dos casos mais absurdos é ver servidores públicos comparecendo ao local de trabalho e registrando seu ponto para logo depois se ausentarem, como foi o caso dos médicos no interior de São Paulo que ganham salários astronômicos por apenas 20 horas de trabalho e que nem ao menos cumprem sua carga horária

Várias soluções foram implantadas no intuito de coibir os chamados funcionários fantasmas. Entretanto, mesmo com essas soluções, inclusive algumas com com leitores biométricos (digitais), muitos servidores públicos comparecem ao local de trabalho apenas para registrarem seu ponto, abandonando o local de trabalho minutos depois. Assim podemos ver que as chefias desses servidores não fiscalizam o trabalho de seus subordinados.

Por isso proponho que os nossos políticos, que possuem o poder de legislar (deputados, senadores e vereadores), façam leis que obriguem TODOS os órgãos públicos a divulgarem, na entrada de cada um de seus prédios, A ESCALA DE TRABALHO DOS SERVIDORES PÚBLICOS que ali exercem suas atividades, assim como o NOME DO RESPONSÁVEL POR CADA SETOR, de forma a facilitar o controle popular da jornada de trabalho dos servidores públicos. 

Dessa forma a fiscalização poderá ser muito mais pessoal e dirigida, dificultando a esquiva de responsabilidade por parte dos responsáveis pelos serviços públicos e dando à população o direito de se defender e agir contra servidores que não cumprem com seu horário de expediente, inclusive por meio de ações administrativas e judiciais, além de ações junto aos órgãos de controle e ao Ministério Público. 

PRECISAMOS MELHORAR CADA VEZ MAIS O CONTROLE SOCIAL!



Hoje: André está contando com você!

André Pedraça Santos precisa do seu apoio na petição «Servidor público NÃO pode receber salário sem trabalhar! Queremos mais fiscalização!». Junte-se agora a André e mais 279 apoiadores.