NOVAS REGRAS PARA AS UNIVERSIDADES PÚBLICAS

NOVAS REGRAS PARA AS UNIVERSIDADES PÚBLICAS

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!
Com 100 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!

Gostaria que as UNIVERSIDADES PÚBLICAS em todo território passem a ter novos procedimentos, passando a exigir FREQUÊNCIAS NAS AULAS, inserindo dispositivos para acompanhamento presencial nas salas de aulas, média de notas superior a 7 (sete) nas avaliações.

Incluir também a prestação de contas das despesas integral de cada CAMPUS, com a apresentação de BALANÇO SEMESTRAL, a ser submetido ao TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, bem como, a responsabilização de seus DIRIGENTES nas formas da Lei em casos de irregularidades. Como sugestão, poderia ser adotado os mesmos critérios de alunos BOLSISTAS concedido nas Universidades particulares, não cumprindo as regras, perde o direito de continuidade automaticamente. 

Introdução de SEGURANÇA DENTRO DOS CAMPUS introduzir BASES DA POLÍCIA MILITAR e GM, com rondas regulares por toda instalação, resguardando o PATRIMÔNIO PUBLICO e melhorando a segurança para professores, alunos, etc.... 

Atualmente temos visto um descaso com os investimentos de recursos públicos, o quais, deveriam serem voltados para uma continua melhoria no ENSINO, porem, temos visto apenas depredações, com pinturas ofensivas nas paredes, exposição de cartazes com temas diversos aos ensinamentos que deveriam predominar nestes ambientes. 

Os contribuintes esperam retorno pelos altos impostos pagos aos cofres públicos, porem, não tem recebido em troca profissionais a altura dos gastos, recentemente, houve divulgação de que nossas universidades custam mais caros que outras com avaliação de desempenho muito superior, isso tem causado indignação, e agregando a isso, fatos comprovados por vídeos, postados em diversos meios, tais como, as redes sociais, onde observa-se alunos consumindo, aparentemente, bebidas alcoólicas, drogas, participando de reuniões não regulamentadas e supervisionadas.

Diante destas exposições e explicações, aguardamos procedimentos para melhorar a formação profissional dos alunos, bem como, coibir infrações previstas em nosso Ordenamento Jurídico.

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!
Com 100 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!