Inclusão da Tarifa Social de Energia Elétrica no novo programa Renda Brasil

Inclusão da Tarifa Social de Energia Elétrica no novo programa Renda Brasil

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!
Com 100 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!
Rodrigo Fernandes Fernandes criou este abaixo-assinado para pressionar Senado Federal, e

Inclusão da Tarifa Social de Energia Elétrica no novo programa Renda Brasil
Você que não aguenta mais os abusos cometidos pela CEMIG ou pela Companhia elétrica de sua Cidade me ajude a chegar em 20 mil assinaturas.
Basta confirmar seu apoio usando uma conta do Google ou Facebook.

*Inclusão da Tarifa Social de Energia Elétrica no novo programa Renda Brasil*

https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=138017&voto=favor

Se a Constituição ou "Lei" fizesse valer de fato os direitos; todo cidadão teria que receber da concessionária elétrica serviços como uso do padrão por onde chega energia elétrica nos imóveis de propriedade do consumidor.

Serviços de correspondência, quando o consumidor precisa se deslocar até aos bancos ou casa lotérica para efetuar o pagamento da fatura.
Todavia a companhia teria que repassar para unidade consumidora (residência) um valor em Kwh de energia por locação de contrato do espaço onde é instalado o padrão medidor elétrico nas propriedades particulares (imóveis).

Aquela sensação de impotência diante uma situação obrigatória da qual você não tem outra escolha ou opção!

Diga a verdade: você já parou em algum momento para analisar ou tentar entender sua fatura de energia elétrica, se sente orgulhoso ao conseguir cumprir esse "compromisso" ou melhor essa obrigatoriedade automática.
É impossível viver hoje sem eletricidade em casa ou em qualquer outro lugar do mundo.

Quanto tempo ficou ao telefone aguardando a atendente ou ficou de "molho" na Central de atendimento físico da companhia elétrica de sua cidade.
Confiar no leiturista e no medidor do padrão ou nos cálculos da companhia elétrica não te faz um cliente "VIP" mesmo que honrosamente tenha quitado suas  faturas de energia elétrica todos meses ao longo da sua vida.

No atual Governo Zema, cogita-se privatizar a companhia, como forma de poder entrar no Plano de recuperação econômica da União

Conheça o império Cemig do Estado de Minas, que mantém gerações de consumidores cidadãos subordinados ao sistema politizado geradora de bilhões.

A Cemig foi fundada em 1952 pelo governador de Minas Gerais, Juscelino Kubitschek de Oliveira.
É a maior empresa integrada do setor de energia elétrica da América do Sul, em número de clientes, e a maior da América Latina, em quilômetros de rede e de equipamentos e instalações.

O grupo é constituído por mais de 181 sociedades e 17 consórcios.
Trata-se de uma companhia de capital aberto controlada pelo Governo do Estado de Minas Gerais e possui 117 mil acionistas em 44 países.
Suas ações são negociadas na Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros de São Paulo, na Bolsa de Valores de Nova York e na Bolsa de Madri.

A CEMIG está iniciando a construção de uma linha de transmissão no Chile.
No estado de Minas Gerais, a Cemig é responsável por 96% do abastecimento de energia elétrica.

Rodrigo Fernandes.
Patrocínio mg

Matéria de Rodrigo.

 

 

 

 

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!
Com 100 assinaturas, é mais provável que essa petição seja recomendada a outras pessoas!