Liberdade para pai de família, paciente e cultivador da cannabis medicinal

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Rubens Moroni Silva de Medeiros, 30 anos, cidadão de bem, pai de família, trabalhador, analista de sistemas e servidor publico municipal da área da saúde. Foi detido dia 18/09/2018 (terça), por cultivo da cannabis. Todo o cultivo que ele faz é para uso exclusivo pessoal e medicinal.

Ele tem stress pós traumático decorrente da perda da mãe (morreu de meningite), da perda da irmã após um acidente de carro.. E no ano de 2013 sofremos um acidente de moto, onde ele fraturou toda a mandíbula e queixo.

Rubens tem tudo laudado por médico psiquiatra: insônia, transtorno bipolar.. Ele poderia inclusive se aposentar, mas continua trabalhando, não ser inválidado dessas coisas, porque graças à Cannibis que devolve a saúde dele!

Ele estava inclusive com a consulta agendada com Dra Eliane -pisiquiatra, renomada de SP, para a receita. 

Consideramos uma injustiça essa atual politica de drogas.

Queremos JUSTIÇA!!!!!

 



Hoje: Williane está contando com você!

Williane Câmara precisa do seu apoio na petição «Secretaria de Segurança Publica do Rio Grande do Norte: Liberdade para pai de família, paciente e cultivador da cannabis medicinal». Junte-se agora a Williane e mais 451 apoiadores.