Ônibus para o Centro do RJ com ar-condicionado para os moradores da Vila da Penha e Irajá

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 500!


Moradores da região da Vila da Penha e Irajá estão carentes de condução para o Centro do Rio de Janeiro. A região atualmente só dispõe da linha 350 (Passeio - Irajá), empresa Rubanil. A linha possui dois intinerários para chegar ao Passeio. Um que vai pela Avenida Brasil que é o rápido e outro que vai pela Praça das Nações que é o parador. Empresa que possui uma frota de ônibus precários, TODOS em péssimo estado de manutenção, bancos quebrados, estofamentos rasgados e desgastados, diversos problemas de manutenção, campainhas que não funcionam além de não terem ar-condicionado. É frequente o ônibus enguiçar no seu trajeto. Passageiros ficam em média de 45 minutos a 1 hora esperando a condução no ponto de ônibus. Costumo pegar esta condução para ir para o Centro do Rio de Janeiro e infelizmente depender de uma única linha para se locomover é um descaso muito grande com os moradores desta região. A linha antigamente possuía ônibus com ar-condicionado que era o 350 rápido, mas de repente eles foram retirados de circulação. 

Ficamos sujeitos a depender somente desta linha (350) para nos locomovermos para o Centro do Rio de Janeiro ou então somos obrigados a pegar duas conduções para chegar ao nosso destino, no meu caso, teria que pegar um ônibus até a estação do metrô de Vicente de Carvalho ou Irajá, e posteriormente pegar o metrô. Teria o custo de 4 passagens,ou seja, duas passagens de ônibus e duas passagens de metrô.

Quem trabalha e tem horário a cumprir fica difícil depender deste ônibus, já que ele não tem horário, não tem frota suficiente, ônibus sujeitos a enguiçarem no trajeto.

A justiça já determinou a refrigeração de 100% da frota de ônibus até o fim de 2016, mas o MP havia pedido suspensão do decreto reduzindo para 70%. O prefeito Marcelo Crivella determinou que só terá aumento da tarifa após frotas serem equipadas com ar-condicionado. Concessionárias se dizem a favor da refrigeração, mas exigem adequação das tarifas para novos investimentos. Resumindo, nada foi resolvido.

O mais triste é constatar o privilégio que moradores da Zona Sul tem sobre os demais moradores de outras regiões. Praticamente todos os ônibus da Zona Sul possuem ar-condicionado, são novos, bem conservados e possuem uma quantidade significativa circulando pela cidade.

Vamos chegar a mais um verão de sofrimento com ônibus sem ar-condicionado. Ontem,dia 02/10/2017, tive que ir ao Centro do Rio de Janeiro pegar minha medicação, fiquei no ponto de ônibus por quarenta minutos esperando a linha 350 Rápido e levamos praticamente uma hora e meia para chegarmos ao destino. Termômetros marcando 37º as 11:30 hs da manhã e os passageiros assando dentro da condução. Quem poderá olhar por nós, não estamos pedindo um favor e sim exigindo um direito como cidadão.

 



Hoje: Francisca Adriana Souza está contando com você!

Francisca Adriana Souza Lopes precisa do seu apoio na petição «Rubanil: Ônibus para o Centro da Cidade com ar-condicionado». Junte-se agora a Francisca Adriana Souza e mais 417 apoiadores.