O atual estado de League of Legends: Evolução ou Involução?

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


O mundo globalizado está gerando um desenvolvimento e crescimento constate em diversos setores da sociedade,sobretudo os de entretenimento . Porém, para manter tais meios recreativos, várias atualizações foram feitas em jogos como League of Legends sem se preocupar com suas possíveis consequências. Dessa forma, diante do excesso dessas práticas no meio virtual dos jogos da Riot Games e sua nocividade, seu combate deve ser estimulado

A princípio, deve-se ressaltar o período de crise nos campos de justiça. Confirmasse tal assertiva com a nova remodelagem do campeão Aatrox,que apesar de não conseguir um alto desempenho nos campos de justiça, ainda remetia aos primórdios da criação desse jogo fantástico e ajudava os iniciantes,sofrendo da "Síndrome do Ryze"(nome popular dado pelos jogadores para campeões remodelados que não conseguem se encaixar nos modos de jogo comuns, apesar de seu alto desempenho no cenário competitivo). Apesar disso, a empresa Riot Games não teve receio para fazer tais nefastas alterações, mostrando seu desinteresse com a sua comunidade antiga e deixando o jogo cada vez mais feito para pessoas que se dedicaram a vida inteira nisso como profissão, retirando o aspecto recreativo que deveria ter tal meio de entretenimento.

Ainda nesse prisma de abordagem,é válido ressaltar o péssimo desempenho dos campeões que foram alterados pela empresa sem manter a sua essência de jogabilidade. Afirmasse tal constatação com a péssima posição dos campeões Ryze, Galio e Aatrox, que apesar de não terem altas taxas de escolha antes das mudanças, ainda valorizavam os jogadores que tentavam aperfeiçoar suas habilidades com determinados campeões. Porém, além dessa multinacional não aumentar o índice de escolha e vitória desses personagens,desconstruíram parte desse meio recreativo virtual, fazendo tantas transformações nesse passatempo virtual que descaracterizam a antiga proposta do jogo eletrônico, desvinculando a antiga ideia de Liga das Lendas das atuais e, por conseguinte, os antecessores pilares de crescimento da multinacional: a antiga comunidade.

Diante dos argumentos supracitados, a remodelagem de campeões pouco jogados não deve ser feita sem o consentimento dos jogadores e qualquer forma de transgressão deve ser repudiada. Dessa forma, o Setor de Criação de Desenvolvimento e Jogabilidade da empresa deve preservar os campeões antigos e novos, mantendo o modelo antigo de jogabilidade de determinado personagem no jogo, mas criando versões remodeladas dele convivendo em harmonia com as antigas e novas (ex: Ryze 1.0 e Ryze 2.0), para assim preservar ambos lados de jogabilidade, finalizando assim o embate.  



Hoje: Ryze está contando com você!

Ryze Antigo precisa do seu apoio na petição «Riot Games: Queremos o Antigo Ryze de volta!!!!!». Junte-se agora a Ryze e mais 38 apoiadores.