Pela defesa do direito à Educação e do concurso público!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 100!


MANIFESTO
Defender uma escola pública de qualidade é defender o concurso público!

Nós, signatários do presente manifesto, vimos manifestar nosso repúdio com a Rede Globo de Televisão pela campanha que faz contra os concursos públicos e a estabilidade do magistério nas escolas públicas.
Por meio de personagens da novela "O tempo não para", a Rede Globo desqualifica os concursos, pede o fim da estabilidade e ainda responsabiliza os professores pelas deficiências do ensino público.
A realização de concursos públicos para a contratação de professores é uma conquista da sociedade brasileira, sacramentada na Constituição Federal.
Os concursos garantem transparência e impessoalidade na seleção e contratação de servidores, classificam os melhores profissionais e evitam interferências políticas no serviço público.
A estabilidade, por sua vez, visa garantir a continuidade do projeto político-pedagógico nas unidades escolares. Ela evita a rotatividade dos docentes a cada ano e a consequente interrupção do trabalho pedagógico, que compromete a aprendizagem dos estudantes.
Não é de responsabilidade das professoras e professores as inúmeras deficiências da educação pública e sim dos governantes, nos diversos níveis, que devem estabelecer políticas e financiamento que garantam a qualidade do ensino e a valorização dos profissionais da educação.
Exigimos que a Rede Globo de Televisão leve ao ar uma retratação, que retire as afirmações preconceituosas contra os professores e a criminosa investida contra o concurso público.



Hoje: Maria Izabel está contando com você!

Maria Izabel Azevedo Noronha precisa do seu apoio na petição «Rede Globo de Televisão: Pela defesa do direito à Educação e do concurso público!». Junte-se agora a Maria Izabel e mais 63 apoiadores.