QUERO MEU VOTO IMPRESSO, PARA GARANTIR AUDITORIA E RECONTAGEM EM CASO DE FRAUDE!!!!

0 pessoa já assinou. Ajude a chegar a 200!


O voto impresso garante que o resultado seja auditado e conferido, comparando o que foi digitado na urna eletrônica e o que foi depositado na urna física.
Vale lembrar que na última eleição presidencial ocorreram inúmeras fraudes relatadas por milhares de eleitores e que nunca puderam ser comprovadas.

O Ministro Gilmar Mendes, enquanto Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tentou barrar e eliminar o voto impresso, declaradamente contrário à auditoria no resultado das votações, indo contra o direito democrático. Com sua saída da Presidência do TSE, espera-se que tudo vai melhorar com a entrada do Ministro Luiz Fux, visto sua positiva atuação no STF como defensor do resgate da dignidade da nação.

Eis que, em 5 de fevereiro, a procuradora‐geral da República, Raquel Dodge, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para derrubar a obrigatoriedade de impressão dos votos pelas urnas eletrônicas e para não ser aplicada nas eleições deste ano. Para piorar, no dia 7 de fevereiro, a ação foi redistribuída ao ministro Gilmar Mendes que será o relator da ação contra o voto impresso. Um absurdo!

#QUEROMEUVOTOIMPRESSO

A União Nacional dos Juízes Federais (UNAJUF) divulgou no dia seguinte, uma nota pública afirmando que o ministro Gilmar Mendes não deveria ser o relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI), contra a impressão de votos, porque, em 2016, quando ainda presidia o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Mendes assinou a compra de novas impressoras de voto, no valor de R$ 7 milhões. Logo, a antiga transação poderia influenciar o posicionamento de Gilmar hoje, tornando-o impedido para atuar como relator.

Faço este convite a você para assinar essa petição, pela manutenção da exigência de um comprovante impresso do voto nas eleições de 2018, a fim de garantir maior transparência e a autenticidade do seu voto!

O fraco argumento contra essa nova medida, é que irá custar caro aos cofres públicos. O que custa caro para o país é a insaciável ganância desses políticos para aprovarem o aumento de seus próprios salários e benefícios!
Outro frágil argumento apresentado pelos contrários à nova medida, é a demora no resultado das eleições. Para isso, responda à pergunta: o que é mais importante: o tempo ou a segurança e a integridade do voto e da apuração?

A impressão do voto na urna eletrônica é um direito do eleitor em relação à democracia!



Hoje: Erica está contando com você!

Erica Urbano precisa do seu apoio na petição «#QUEROMEUVOTOIMPRESSO PARA GARANTIR AUDITORIA E RECONTAGEM EM CASO DE FRAUDE!!!!». Junte-se agora a Erica e mais 113 apoiadores.